“O importante é ajudar o Corinthians, mesmo com dores”, diz Cássio

Cássio segue no Corinthians (Getty Images)

O goleiro Cássio chegou a assustar a torcida do Corinthians quando, aos 14 minutos do segundo tempo, quando sentiu dores no braço esquerdo após defender escanteio cobrado pelo meia Renato Cajá, da Ponte Preta. O camisa 12 foi fundamental na vitória do Corinthians por 2 a 0, nesta quarta-feira (2), no Itaquerão.

LEIA MAIS:
Corinthians vence a Ponte Preta e se aproxima do G-4; confira os gols

“O Cajá bateu o escanteio, eu defendi, mas caí na parte de trás (do gol), que é de ferro. Na hora deu uma dor muito grande, mas depois fui me movimentando e vi que não tinha lesão. Depois senti ao fazer uma outra defesa. Vamos analisar para saber o grau da lesão. O importante é ajudar, mesmo com dores. Saímos felizes pela vitória”, afirmou Cássio após o duelo com a Macaca.

Depois do lance, o goleiro reserva, Walter, chegou a ir para o aquecimento, mas Cássio se recusou a deixar a partida. Nesta sexta-feira (3), ele deve ser submetido a avaliação médica para detectar se houve lesão ou se foi apenas uma pancada.

Se Cássio estiver bem, deve ser titular diante do Goiás, no domingo (5), no Serra Dourada.

Crédito da foto:



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.