Robinho se despede pela 2ª vez do Santos com títulos e idolatria ainda maior

Flickr Santos

Robinho era um dos principais jogadores de Dunga na primeira passagem do treinador e homem de confiança dentro do grupo que disputaria a Copa do Mundo de 2010. No entanto, no seu clube, o atacante era apenas mais uma opção no Manchester City. A solução foi voltar para casa.

O time inglês aceitou emprestar Robinho ao Santos por seis meses e a chegada foi digna do ídolo que é. De helicóptero e ao lado de Pelé no gramado da Vila Belmiro.

A estreia foi em um clássico contra o São Paulo. A vitória veio com um gol de letra de Robinho.

Na condição de líder dentro e fora de campo, o camisa 7 liderou a equipe nas conquistas do Campeonato Paulista e Copa do Brasil e ainda ajudou na evolução de Neymar e Ganso.

Porém, o sonho e o retorno para casa tinha hora marcada para terminar. A última partida desta segunda passagem foi justamente a decisão da Copa do Brasil contra o Vitória. A derrota por 2 a 1 não impediu o título e Robinho se despediu pela segunda vez do clube com mais uma taça no currículo.

Crédito da foto: Flickr Santos



Editor senior do Torcedores.com, o jornalista formou-se na Universidade Metodista em 2009 e passou pelas redações do Diário do Grande ABC, Agora SP, UOL e Fox Sports, onde fez a cobertura da Copa do Mundo de 2014. Está no Torcedores desde outubro de 2014.