Saiba porque Michel Platini é o grande favorito para assumir a Fifa

Getty Images

A Fifa definiu 26 de fevereiro de 2016 como a data para a realização de novas eleições para a presidência da entidade e desde então um nome surge como grande favorito ao cargo: Michel Platini.

LEIA MAIS
Nova apresentadora da Fifa desagrada internautas, que pedem o retorno de Fernanda Lima

Envolvida em um dos maiores escândalos de corrupção da história do esporte, a Fifa só ganharia ao ser comandada por um ex-jogador de destaque. Sim, Platini encorporou muito bem o papel de dirigente e consegue , mas ainda assim pode fazer muito mais pelo futebol do que Blatter, Valcke e companhia.

A candidatura do presidente da Uefa – está no cargo desde 2007 – ao lugar de Joseph Blatter é dada como certa por diversos veículos europeus, hoje grande favorito por contar com o apoio de 4 das 6 confederações regionais e grandes clubes.

O “L’Équipe”, principal veículo esportivo da França, é quem noticiou em primeira mão que Platini já decidiu lançar sua candidatura ainda nesta semana.

A notícia foi repercutida por diversos veículos de outros países, como Marca, La Gazzetta dello Sport e As.

Já o Mundo Deportivo preferiu abordar um outro lado e mostrou que o Barcelona também apoiará Platini. Apesar de não ter voto, um clube do porte do Barça pode influenciar na eleição.

Segundo a publicação, o francês sempre demonstrou interesse em dar mais força aos clubes do continente e poderia expandir seu trabalho no resto do mundo.

Platini sempre teve uma boa relação com Blatter, que chegou a dizer que o francês seria seu sucessor natural, mas os dois se afastaram em 2015, justamente porque o ex-meia viu que poderia prejudicar seus planos de comandar a Fifa.

Uefa, Conmebol, Concacaf e AFC (da Ásia) já teriam declarado seu apoio ao francês, de acordo com a France Football.



Editor senior do Torcedores.com, o jornalista formou-se na Universidade Metodista em 2009 e passou pelas redações do Diário do Grande ABC, Agora SP, UOL e Fox Sports, onde fez a cobertura da Copa do Mundo de 2014. Está no Torcedores desde outubro de 2014.