Sozinho, Pato tem mais gols que todos os atacantes do Corinthians no ano

SAO PAULO, BRAZIL - MAY 10: Alexandre Pato #11 of Sao Paulo celebrates their second goal during the match between Sao Paulo and Flamengo for the Brazilian Series A 2015 at Morumbi stadium on May 10, 2015 in Sao Paulo, Brazil. (Photo by Alexandre Schneider/Getty Images)

A fase de Alexandre Pato com a camisa do São Paulo realmente é muito boa. Com 17 gols no ano, o atacante vive sua melhor fase desde a volta ao Brasil e está prestes a superar os melhores números de sua carreira. Ainda sob contrato com o Corinthians, Pato é praticamente descartado em Itaquera para o ano que vem. No entanto, os números do camisa 11 se mostram muito superiores aos de todos que atuam na linha de frente do time alvinegro e certamente poderiam ajudar a equipe de Tite.

Se somarmos todos os gols de todos os atacantes do Corinthians nesse ano, os gols de Alexandre Pato pelo São Paulo nessa temporada não serão alcançados. Aos todo, os principais responsáveis por marcar os gols corintianos somam 14 tentos em 2015. Sozinho, Pato já balançou as redes por 17 vezes pelo clube do Morumbi.

No atual elenco corintiano, os gols de Pato, que ainda pertence ao clube, poderiam ser muito úteis. Segundo colocado na tabela, o Corinthians mostra um ótimo desempenho defensivo, com a melhor defesa do campeonato, mas o ataque vem decepcionando. Vagner Love, principal esperança na frente, só marcou 5 gols no ano e ainda sofre para adquirir a melhor forma após passar pelo futebol chinês.

As outras opções corintianas para o ataque são Malcom, que marcou 4 gols no ano. Mendoza, que chegou no começo do ano, marcou apenas 3 gols. O paraguaio Romero marcou apenas uma vez na temporada e Luciano, que teve um bom desempenho pelo Brasil nos Jogos Pan-Americanos, também balançou as redes uma vez.

Já a fase de Pato no São Paulo tem tudo para se tornar a melhor do atacante em toda sua carreira. Com 17 gols no ano, o atacante está a um gol de igualar e a dois de superar o número de 18 gols na temporada, sua melhor marca. Em 2008/09, quando ainda atuava pelo Milan, alcançou esse número e até hoje nunca conseguiu ultrapassá-lo. Com o restante do Campeonato Brasileiro pela frente e a Copa do Brasil por disputar, Pato deve superar sua marca pessoal.

Com contrato com o Corinthians até o final de 2016, o atacante dificilmente voltará e vestir a camisa alvinegra. Com problemas financeiros o Corinthians já declarou que espera uma boa proposta pelo jogador para recuperar o investimento feito. Quando veio, Pato custou quinze milhões de euros. O alto salário e a má impressão deixada no clube dificultam o retorno do atacante.

Apesar da boa fase no São Paulo, o atacante tem poucas chances de ficar no clube do Morumbi após o fim do ano. Com pouco dinheiro em caixa, o São Paulo não tem condições de arcar com os cerca de 10 milhões de euros que o Corinthians estipula para vender o atacante. Apesar de dizer que vai tentar fazer uma operação para comprar o atleta, Carlos Miguel Aidar, presidente do clube, considera complicado o negócio.

Crédito da foto: Getty Images



Jornalista em formação pela PUC-SP. Devoto da maior invenção criada pelo homem na história da humanidade: o futebol