Sucesso na elite, Série B pode ter jogos às 11h da manhã de sábado

A exemplo da Série A de 2015, a Série B do futebol brasileiro também pode passar a ter jogos às 11h da manhã, aos sábados. Na próxima quinta-feira, os clubes da Série B irão se reunir com a dona dos direitos de transmissão da competição, a TV Globo, para discutir sobre o assunto.

O horário de 11h da manhã foi adotado pela CBF para essa temporada, e virou um sucesso com os públicos presentes no estádio Na elite do futebol brasileiro, o número de clubes querendo jogar as 11h vem crescendo cada vez mais.

Em entrevista ao site da ESPN Brasil, o presidente do Bahia, Marcelo Sant’Ana, afirmou ter uma simpatia pelos jogos 11h e reclamou das partidas que começaram às 21h da noite. “Tenho simpatia muito grande pelo horário das 11h, no mínimo, a curiosidade de saber qual seria a recepção no sábado nessa hora. Sem dúvida, o sentimento que o Bahia e outros têm é que é mais favorável do que pela noite”.

O argumento usado pelo presidente do tricolor baiano para justificar o gosto pelo horário das 11h foi o fato de que, na manhã dos sábados, as TV’s transmitirem apenas partidas campeonatos europeus. “Hoje, a TV fechada parece que tem somente time internacional. Você liga num fim de semana e às 8h tem Russo, às 10h Alemão, ao meio-dia Italiano e nada de futebol brasileiro. Seria uma alternativa para concorrer e, mais do que isso, facilitar o trabalho de venda para o mercado no exterior”.

O presidente do Atlético-GO, Maurício Sampaio, também se manifestou a favor da decisão. O mandatário afirmou que partidas às 21h50 é impensável e não tem cabimento, visto que, na maioria dos jogos, os estádios estão sempre vazios. “Meu time entra em campo numa terça-feira, quase dez horas da noite. Isso é impensável, entende? Por que precisa ser essa hora? E você vai lá e o estádio está vazio. Não tem cabimento. Queremos levar essa situação para a Globo também. O futebol carece de muitas mudanças e estamos pensando nisso”, disse.

Foto: CBF



Carioca, estudante. Já tive uma passagem pela VAVEL Brasil.