Veja as seis maiores narrações de Téo José

Divulgação

Os telespectadores conhecem ele apenas como Téo José, mas Teocles José Brocos Auad nasceu em Goiânia e como narrador já passou pela Rede Manchete, por SBT e RedeTV, e apesar de ter aparecido na extinta emissora citada, ele ganhou destaque mesmo quando narrava automobilismo na emissora de Silvio Santos. Atualmente está trabalhando na Rede Bandeirantes.

Nas próprias emissoras, Téo José teve algumas narrações que ficaram guardadas na história. No SBT ele narrava categorias de automobilismo tendo como destaque a Fórmula Indy onde pegou épocas grandiosas de Nigel Mansell, Emerson Fittipaldi, entre outros pilotos históricos da categoria.

Téo José também narrou jogos de futebol no SBT e tem em seu currículo a cobertura de três Copas do Mundo: a da França 98, África do Sul 2010 e também a do Brasil, nesta como principal narrador da Band, posição que ganhou da emissora após a morte de Luciano do Valle, no mesmo ano.

Pensando na carreira de Téo Jose, o Torcedores.com preparou uma seleção das melhores narrações do principal locutor da Band. Acompanhe:

500 Milhas de Indianápolis de 1989- Vitória de Emerson Fittipaldi

Téo José sempre teve o automobilismo como a principal paixão, prova disso é a sua longa carreira cobrindo automobilismo e ele narrou a primeira vitória de Emerson Fittipaldi no principal circuito da Fórmula Indy, em 1989. Assista a narração a partir de 2:10:

 

500 milhas de Indianápolis em 1999- Vitória de Tony Kanaan 

Téo José mais uma vez narrando a vitória de um brasileiro em Indianápolis, no entanto cometeu uma gafe. Na época, o italiano Massimiliano Papis estava liderando a prova até poucos metros do fim e os fãs que acompanham o narrador sabe do seu famoso bordão “Não perde mais” para quando o piloto está perto da reta final de corrida. Sendo assim ele falou a frase para o italiano e após problemas no seu carro, Tony Kanaan, então em segundo, passou e ganhou a prova mais famosa prova da Indy. Relembre a narração:

 

Gol 100 na carreira de Rogério Ceni em cima do Corinthians- Brasileirão de 2011

Téo José, até então ainda não sendo o principal narrador da Band, teve o privilégio de narrar o gol 100 da carreira de Rogério Ceni, em cobrança de falta. Relembre agora o momento histórico de Téo José:

 

Jogo histórico de nove gols: Santos x Flamengo, com direito a golaço de Neymar- Brasileiro de 2011

Até então narrador de jogos dos clubes do rio de Janeiro, Téo José narrou um jogo onde havia ninguém menos em campo que: Neymar e Ronaldinho Gaúcho. Os dois brilharam, mas o craque santista, com um golaço, marcou mais um jogo histórico na carreira do narrador goiano: Relembre os melhores momentos na voz de Téo José:

 

Golaço de Ramires sobre o Barcelona- Liga dos Campeões de 2012

Téo José esteve na transmissão da Liga dos Campeões, onde o Chelsea deu um passo importante rumo ao seu primeiro titulo da Liga dos Campeões ao passar pelo Barcelona. Com muita emoção ele narrou o golaço do brasileiro Ramires: Relembre a narração:

 

BÔNUS PARA O MELHOR BORDÃO: A famosa frase de Téo José: “Não, não é assim”

Téo José já tinha um bordão para o automobilismo e criou um para o futebol. Se você acompanha a carreira do narrador, com certeza já disse isso alguma vez na vida: Relembre o bordão:

Foto: Divulgação



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.