Bandido condenado a 65 anos de prisão é pego em torcida do Corinthians na Vila Belmiro

SAO PAULO, BRAZIL - MAY 31: Fans of Corinthians celebrates during the match between Corinthians and Palmeiras for the Brazilian Series A 2015 at Arena Corinthians on May 31, 2015 in Sao Paulo, Brazil. (Photo by Friedemann Vogel/Getty Images)

Na noite desta quarta-feira um fato inusitado aconteceu no meio da torcida do Corinthians. Claudio Roberto Ferreira, um perigoso criminoso, foi preso na parte dos visitantes da Vila Belmiro. De acordo com o portal Lancenet! em contato com o Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais), ele ainda tentou se jogar da arquibancada com uma altura de 10 metros, mas foi detido antes da ação.

A Delegacia de Investigações sobre Roubo a Bancos, recebeu o comunicado de que Claudio Roberto Ferreira, mais conhecido como Galo, estava presente no estádio. Com isso, a patrulha partiu rumo ao estádio para prender o criminoso e a ação foi feita no segundo tempo do Clássico Alvinegro.

Galo é torcedor do Corinthians e é condenado a 65 anos de prisão por crimes cometidos em 2008. Na ocasião, ele roubou um banco e foi o responsável por três mortes e dentre os que perderam a vida estava o líder de uma facção criminosa da época, Carlos Antônio da Silva, o Balengo.

Foto: Getty Images



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.