F1: Massa diz que meta da sexta-feira na Bélgica foi alcançada

Engana-se quem acha que Felipe Massa não ficou satisfeito com os resultados obtidos na sexta-feira (21) de treinos livres para o Grande Prêmio da Bélgica de Fórmula 1. Mesmo tendo ficado com a 16ª colocação no resultado combinado dos dois ensaios feitos no circuito de Spa-Francorchamps, com o tempo de 1min51s588, o brasileiro da Williams disse que o objetivo da equipe, por hoje, não era ser a mais rápida.

LEIA MAIS:
Guia do GP da Bélgica de Fórmula 1
Rosberg bate Hamilton e lidera sexta-feira na Bélgica

“Foi uma sexta-feira típica para a Williams, nós não vamos tentar ficar no topo da lista de tempos. Completamos uma grande parte do trabalho que nos propusermos a fazer, apenas sendo retidos pelas bandeiras vermelhas que não eram esperadas”, comentou Massa, após o término das atividades do dia em Spa.

“Isso significou que meus long runs não foram limpos como eu esperava que seriam, mas nós devemos ser capazes de ser competitivos amanhã e construir um progresso no final de semana”, completa o brasileiro, que aparece na sexta colocação do campeonato mundial de pilotos, com 74 pontos, três a menos que seu companheiro de equipe, Valtteri Bottas, e dois em relação a Kimi Räikkonen, da Ferrari.

As atividades para o Grande Prêmio da Bélgica de Fórmula 1 serão retomadas neste sábado (22), com a realização de mais um treino livre, marcado para 6h, e da tomada de tempos, às 9h, que definirá o grid de largada para a corrida deste domingo, que terá transmissão da TV Globo e início previsto para 9h.

Foto: Alastair Staley/Williams F1



Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.