Guia: Grupo 4 da Segunda Divisão do Paulista tem Noroeste como favorito ao acesso

Crédito da foto: Reprodução/Facebook

O Campeonato Paulista da Segunda Divisão chega à segunda fase a partir deste sábado (22), onde dois hexagonais foram formados para definir os quatro times que subirão para o Paulistão da Série A-3 em 2016. No Grupo 4, por exemplo, haverá a presença de um clube que até pouco tempo atrás disputava entre as equipes da divisão de elite: o centenário Noroeste de Bauru, que busca a reconstrução agora no último nível do Estado e é apontado como um dos prováveis ascendentes.

LEIA MAIS
Guia: Grupo 5 da Quarta Divisão do Paulista tem boa disputa por acesso entre Taboão e Olímpia

Ao lado do Norusca, outros também querem a promoção e mostraram ser fortes na primeira fase. O EC São Bernardo é exemplo disso, ao fazer a melhor campanha dos seis que estão na chave, o que também o credencia como favorito. Lemense, Inter de Bebedouro e Fernandópolis fizeram um campeonato seguro e, com pitadas de emoção, chegaram na atual etapa. Por fim, o Manthiqueira também teve dificuldades, mas no final conseguiu abrir distância e eliminou a tradicional Portuguesa Santista.

O Torcedores.com preparou um guia rápido dos integrantes do Grupo 4 da “Bezinha”, como é conhecida a Segunda Divisão. Confira:

Noroeste – O Norusca somou 38 pontos no Grupo 1, sendo líder pelo número de vitórias (12 a 11 em cima do Grêmio Prudente). Empatou duas vezes e perdeu outras quatro, fez 39 gols e levou apenas 14. O que chamou a atenção é que o time de Bauru só teve uma expulsão em 18 jogos, o que mostra um equilíbrio dos jogadores em campo. O atacante Hygor é o destaque com 13 gols, vice-artilheiro da competição.

Para a segunda fase trouxe reforços de clubes da Série A-2, como Marcelinho (zagueiro ex-Novorizontino), Sávio (meia emprestado pela Ferroviária) e Edson Negão (atacante emprestado pela Ferroviária). Léo Cunha, ex-Palmeiras, também desembarca na agremiação mais tradicional dentre as 12 dessa etapa.

EC São Bernardo – Depois de recentes temporadas sem brilho, o Cachorrão veio como potência em 2015 na divisão, e graças a uma parceria com uma empresa esportiva de Atibaia, que ofereceu estrutura de treinamento e alojamento, os frutos estão sendo colhidos.

Na fase inicial, fez 40 pontos e disparou na liderança do Grupo 3, ficando sete à frente do vice-líder Jabaquara, sendo a segunda melhor campanha geral. Foram 12 vitórias, quatro empates e duas derrotas com 37 gols marcados e 15 sofridos. Washington, com oito bolas nas redes, é o principal goleador da equipe.

Para o hexagonal, o Bernô trouxe os atacantes Chuck, ex-Itapirense, Cláudio, ex-Rio Preto e Baggio, emprestado pelo São Bernardo mais famoso, o Tigre. O goleiro Léo, do Palmeiras, reforça o gol.

Lemense – O clube de Leme fez uma primeira fase discreta e teve de brigar pela classificação até o último momento. Fez 34 pontos e terminou em terceiro lugar no Grupo 2, com uma vitória a mais que o São Carlos (quarto e também classificado) e o Elosport (quinto e eliminado no saldo de gols). Somou 11 triunfos, apenas um empate e seis derrotas, o que demonstra uma irregularidade durante a campanha. Marcou 27 gols e tomou 24. Erick, com sete gols, é o principal jogador.

Para a etapa decisiva, contratou os meias Gabriel Franceschini e Robson, ambos ex-Guaratinguetá, além do atacante Léo Lima, ex-Santos e São Carlos. O goleiro Igor Alves foi inscrito pelo Lemense.

Inter de Bebedouro – O time de Bebedouro se consolidou no hexagonal com uma invencibilidade de 12 jogos, o que ajudou a terminar na segunda colocação do Grupo 2 com 35 pontos, em um total de 10 vitórias, cinco empates e três derrotas. Balançou as redes por 29 vezes e foi vazado apenas 11, entrando como a melhor defesa dos seis integrantes no Grupo 4. Com oito gols, Robson foi o artilheiro da equipe na primeira fase.

O clube se reforçou com o zagueiro Luiz Matheus, ex-Avaí e Santo André (campeão da Copa Paulista de 2014) e o beque Paulo Henrique, vice-campeão da A-3 pelo Votuporanguense em 2015.

Fernandópolis – A quarta posição do Grupo 1 foi suada e conquistada apenas na última rodada em briga com o Vocem. No confronto direto, deu Fernandópolis por 1 a 0, o que fez o time pular para 32 pontos e ficando com a vaga restante na chave, deixando o Vocem com 30. Foram nove vitórias, cinco empates e quatro derrotas, com 35 gols pró e 13 contra. O principal goleador é Henrique, que balançou o barbante 11 vezes.

Reforços: Carlinhos (lateral ex-Novorizontino), Billy (atacante ex-Flamengo de Guarulhos), Vinícius Pequeno e Gabriel Inocêncio, ambos de passagem pelo Olímpia em 2014.

Manthiqueira – A agremiação de Guaratinguetá, quarto colocado, fez 29 pontos no Grupo 3, três a mais que a Portuguesa Santista, que perdeu o fôlego no fim e escancarou problemas internos no elenco que atrapalharam o desempenho em campo. Obteve nove vitórias, dois empates e sete derrotas, a pior campanha dentre as seis equipes do Grupo 4. Fez 35 gols e concedeu 20. Luan, com seis bolas nas redes, e Jeferson, com cinco, são os destaques do time comandado por uma mulher: Nilmara Alves. O Manthiqueira não se reforçou para a segunda fase.

Confira os jogos da primeira rodada do Grupo 4:

Noroeste x EC São Bernardo – sábado (22), às 16h
Lemense x Manthiqueira – domingo (23), às 10h
Inter de Bebedouro x Fernandópolis – domingo (23), às 10h

Crédito da foto: Reprodução/Facebook



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Foi repórter colaborador e hoje é líder da comunidade de colaboradores juniores, plenos e seniores no site Torcedores.com.