Ladrões devolvem medalha do Pan que roubaram de atleta do futebol feminino

Reprodução/Facebook
Reprodução/facebook
Reprodução/Facebook

Nesta sexta-feira (31), ladrões roubaram a lateral da seleção brasileira, Tamires Britto. A jogadora que estava saindo com a família foi abordada por assaltantes e a medalha de ouro, conquistada no Panamericano de Toronto, que estava em sua bolsa foi levada por dois homens. Neste sábado, o sogro da atleta, através do Facebook, confirmou que a recordação de sua nora foi devolvida.

LEIA MAIS
7 vezes em que as “meninas” salvaram o futebol brasileiro
Brasil levou ouro incontestável no futebol feminino em Toronto

De acordo com Mauro de Britto, a medalha foi deixada, nesta madrugada, na casa ao lado e em sua opinião a ajuda da imprensa deixou os assaltantes com medo da tamanha repercussão. A medalha ainda voltou danificada, onde para o sogro de Tamires é fruto da violência.

Pessoal, a medalha da Tamires foi devolvida ! Agradecemos a todas as pessoas que compartilharam ,comentaram , a imprensa que deu a devida repercussão, o que provavelmente , fez com que os meliantes ficassem temerosos. A medalha foi deixada de madrugada na casa da vizinha que tem a esmaltería e hoje cedo , quando a empregada chegou para trabalhar , viu a medalha que foi deixada debaixo do seu portão. Acreditamos muito no trabalho da polícia e temos fé que todos os documentos da Tamires, do meu filho e neto serão recuperados . Agradeço a todos e em especial ao meu cunhado e amigo Rui que foi fundamental . A medalha voltou com uma “cicatriz ‘ , simbolo da violência das grandes cidades”, escreveu o sogro de Tamires, em seu Facebook.

A seleção brasileira de futebol feminino conquistou a medalha de ouro nos jogos Panamericanos de Toronto, após baterem a Colômbia por 4 a 0 na grande final. Após a competição, Tamires acertou sua ida para o futebol da Dinamarca.

Veja como ficou a medalha: 



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.