Não é só Ricardo Oliveira. Outros jogadores também já passaram vergonha; veja

Divulgação Santos FC

A noite do último sábado (15) não foi das mais felizes para Ricardo Oliveira. O centroavante do Santos perdeu o segundo pênalti seguido e ainda desperdiçou uma chance incrível de gol que vai entrar para a galeria das mais perdidas da história do futebol. Inspirado na “proeza” do centroavante do Peixe, o Torcedores.com listou outros cinco jogadores que entraram para a história do futebol por terem perdido chances inacreditáveis embaixo das traves.

 

1- Riascos, do Vasco

O Vasco enfrentou o São Paulo, em Brasília, no dia 08 de julho de 2015, pela 12ª rodada do Brasileirão. Não foi uma noite feliz para o colombiano, que perdeu três grandes chances de marcar e diminuir o prejuízo. O Tricolor do Morumbi venceu o jogo por 4 a 0.

 

2- Robinho, do Milan

O Milan enfrentou o Genoa, em 2011, pela 14ª rodada do Campeonato Italiano. Foi quando Robinho recebeu cruzamento e perdeu o gol embaixo das traves. Sorte do brasileiro que seu time venceu por 2 a 0 e a chance perdida não fez falta.

 

3- Blaszczkowski, do Borussia Dortmund

O Borussia Dortmund jogava com o Freiburg, no dia 20 de novembro de 2010, pela 13ª rodada do Campeonato Alemão. Foi quando o meia polonês Blaszczkowski saiu na cara do gol e desperdiçou uma chance incrível. No final, o Dortmund venceu o jogo por 2 a 1.

 

4- Fahad, do Catar

Em novembro de 2010, o Catar enfrentou o Uzbequistão pelas quartas-de-final dos Jogos da Ásia. Foi quando o goleiro uzbeque falhou e o jogador Fahad do Catar conseguiu perdeu mais um gol inacreditável. O Uzbequistão venceu o jogo na prorrogação por 1 a 0.

 

5- Deivid, do Flamengo

Talvez a chance perdida mais lembrada no Brasil até hoje. Em 23 de fevereiro de 2012, Vasco e Flamengo duelavam pelas semifinais da Taça Guanabara. Foi quando o atacante Deivid recebeu cruzamento da direita e conseguiu chutar a bola na trave, embaixo do gol. Se o vascaíno vive um momento difícil hoje, aquele dia foi perfeito, pois além de zoar o rival com um gol inacreditavelmente perdido, ainda venceu o jogo por 2 a 1.

 

Foto: Divulgação/Santos F.C.

 



Jornalista formado pela Universidade do Sagrado Coração (USC) de Bauru-SP. Meu esporte preferido é o futebol, mas também gosto de outros esportes olímpicos. Torcedor do Palmeiras.