Nas redes sociais, Cristóvão é vítima de ofensas racistas por torcedores do Flamengo

Gilvan de Souza/Flamengo

A situação de Cristóvão Borges no Flamengo não anda nada fácil. Há alguns dias o técnico do Flamengo concedeu entrevista em que admite se sentir discriminado por questões raciais. Pois nessa quarta-feira o treinador rubro-negro foi atacado por uma torcedora, com nome Gabi Loureiro, em que pede sua demissão após a derrota para o Vasco por 1 a 0 pela primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil, no Maracanã.

LEIA TAMBÉM:
Zagueiro Marcelo culpa falta de foco por derrota do Flamengo no clássico
Derrota na Copa do Brasil confirma freguesia do Flamengo para o Vasco em 2015
Vasco bate Flamengo e ganha fôlego para o Brasileirão

Só que a internauta parece ter perdido os modos na hora de fazê-lo. “Demitam o Cristóvão pelo amor de Deus, pelo bem da honra do Flamengo, tira esse preto! (sic)”. Logo em seguida, a torcedora foi bastante criticada pela atitude racista e, então, decidiu apagar o comentário. Entretanto o estrago já estava feito e muitos “guardaram” a prova do crime. 

Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter

No programa SportCenter, da ESPN Brasil, o jornalista e apresentador Antero Greco também comentou sobre o caso, confirmando mais mensagens preconceituosas contra Cristóvão vindas dos próprios torcedores rubro-negros no Twitter.

Curtiu a matéria? Siga o autor no Twitter: @fontes_matheus.
Facebook: Matheus Martins Fontes.

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.