Rodada da Copa do Brasil movimentou a quarta-feira de futebol!

Cesar Greco / Palmeiras / Divulgacao

A rodada dessa quarta feira pelas oitavas de final da Copa do Brasil foi bastante movimentada, com algumas partidas que merecem certo destaque por conta de suas rivalidades regionais.

Se a polêmica já havia tomado conta até mesmo do sorteio dos confrontos na semana passada (por conta da troca das bolinhas do adversário do Vasco), nesta quarta feira, dia dos primeiros jogos da fase oitavas de final, também não foi muito diferente.

A principal polêmica ocorreu no Estádio Major Couto Pereira, na partida entre Coritiba e Grêmio, quando houve um lance de pênalti para o Coxa. O arbitro da partida preferiu ignorar o lance e não assinalou a penalidade para os donos da casa, quando o jogo ainda estava 0 a 0, causando revolta entre os jogadores e torcedores da equipe.

Grêmio, jogando fechado e explorando o contra ataque, vence o Coritiba fora de casa e se aproxima das quartas de final da Copa do Brasil.

Durante a partida, o Coritiba (que briga e corre seríssimo risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro), controlou as ações do jogo durante quase todo o tempo. Fazendo prevalecer o fator de mandante, procurou agredir e investir forte no campo de ataque. Porém, as oportunidades criadas pelos paranaenses, não foram bem aproveitadas, e o gol não saiu.

O Grêmio, por sua vez, adotou uma postura mais defensiva, esperando o Coxa e explorando os contra ataques.  A estratégia de Roger Machado funcionou, e os gremistas  puderam comemorar o gol marcado pelo lateral Marcelo Oliveira, em um chute perfeito de fora da área aos 26 minutos da etapa final.

Após o gol, o Coritiba desanimou e pouco atacou em busca do gol de empate. Já o Grêmio, vencendo fora de casa, adotou a postura correta de defender os 3 pontos para decidir a vaga podendo empatar dentro de seu estádio na próxima semana para avançar a fase seguinte da competição.

Com a vitória, o Grêmio joga agora por qualquer empate. Já o Coritiba, precisa vencer os gaúchos por qualquer placar que tenha diferença de um gol. A vitória de 1 a 0 a favor do Coxa, leva a decisão da vaga para os pênaltis.

Jogando no Independência, Atlético-MG e Figueirense ficaram no 1 a 1 em uma partida pouco movimentada, mas de muita emoção para os atleticanos.

Esse foi o cenário de Atlético e Figueirense ontem jogando em Minas Gerais. Com amplo favoritismo do mineiros, o Galo entrou de certa forma pressionado (devido aos resultados adversos que tiveram nas ultimas rodadas do Brasileirão, quando deixaram escapar a liderança para o Corinthians) diante do Figueirense.

E a partida ofereceu poucas oportunidades aos dois times, que criavam pouco e estudavam-se muito ao decorrer da partida.

A situação começou a mudar quando aos 48 do primeiro tempo,  quando o atacante Clayton recebeu dentro da área e bateu cruzado para vencer o goleiro Victor e abrir o placar para o Figueira.

Com o placar adverso, o Galo precisou ir em busca do empate no segundo tempo. E Levir optou por tirar o volante Leandro Donizete para colocar Guilherme (mais um meia de criação).

O Atlético passou a criar, e foi recompensado já no final da partida, quando Douglas Santos cruzou da esquerda e Leonardo Silva subiu para tocar de cabeça para o fundo do gol de Alex Muralha para empatar o jogo no Independência.

Com o empate de ontem de 1 a 1, o Atlético agora precisa ou vencer a partida por qualquer resultado, ou com empates a partide de 2 a 2. Já o Figueira, que jogará em casa, avança as quarta de final com uma vitória simples, ou o empate de 0 a 0.

Em caso de novo empate de 1 a 1, a vaga será decidida nas penalidades.

Jogando em São Paulo, o Palmeiras lutou para vencer o Cruzeiro por 2 a 1 no Allianz Parque em um jogo movimentado e de boas oportunidades para as duas equipes.

O Palmeiras já havia espantado a crise diante do Flamengo quando venceu os cariocas por 4 a 2 jogando em casa. Na noite de ontem, os paulistas precisavam repetir o feito para dar mais tranquilidade a seus torcedores.

O jogo começou e logo o Palmeiras marcou um belo gol através de uma jogada muito bem feita de Lucas Barrios com a conclusão de Cleiton Xavier logo aos 8 minutos.

Com o gol marcado no inicio, o verdão recuou e trouxe o Cruzeiro para o campo de ataque. E os mineiros logo trataram de atacar para empatar o jogo. Mesmo abusando muito de bolas alçadas na área, a raposa ofereceu certo perigo ao Palmeiras.

No inicio da etapa complementar, o Cruzeiro que ainda buscava seu gol de empate, tratou de caprichar um pouco e chegou ao empate com uma linda finalização de Leandro Damião batendo cruzado para vencer Fernando Prass.

Com o gol sofrido, os donos da casa logo passaram a criar boas opções de ataque para vencer o jogo. E através de um cruzamento de Dudu, Rafael Marques entrou por trás da defesa cruzeirense para colocar novamente o Palmeiras em vantagem no marcador.

Após o gol, os palmeirenses ainda criaram outras jogadas que poderiam resultar em gol, mas que não foram bem aproveitadas para ampliar o resultado.

Final de jogo no Allianz Parque, e o Palmeiras venceu o Cruzeiro por 2 a 1 dentro de casa.

Agora, na próxima quarta feira, as duas equipes voltam a se enfrentar, desta vez no Mineirão, com mando do Cruzeiro. Para o verdão, qualquer empate já basta, ou até mesmo derrotas por um gol de diferença, desde que sejam por placares de 3 a 2 em diante. Já para os mineiros, somente a vitória resolve, por dois gols de diferença, ou pelo magro placar de 1 a 0.

Em caso de vitória por 2 a 1 para o Cruzeiro, o jogo é decidido nos pênaltis.

Santos joga bem, domina o Corinthians e vence por 2 a 0 em clássico paulista na Vila Belmiro, válido pela Copa do Brasil.

O Peixe ontem mostrou mais uma vez a força que tem jogando dentro de casa. Com grande atuação de Lucas Lima que foi o protagonista e comandou a vitória do peixe, (mais uma vez o destaque santista) o Santos abriu boa vantagem sobre o Corinthians em busca da vaga para as quartas de final da Copa do Brasil.

Com gols de Gabriel e Marquinhos Gabriel,  o peixe dominou o adversário praticamente o jogo inteiro.

Com uma equipe bem montada, o treinador Dorival Júnior arrancou um resultado importante que dará tranquilidade aos seus comandados para jogar na próxima semana em Itaquera.

O Corinthians, não conseguiu imprimir seu ritmo e jogar o que poderia. Foi refém de um time bem montado que sabe como poucos fazer prevalecer o fator de mando de campo.

Com o placar, o Corinthians agora, dentro de casa, precisará vencer o Peixe por uma diferença de três gols. Já o Santos, em situação muito mais tranquila, poderá até mesmo perder o confronto por dois gols de diferença, desde que marque gol como visitante.

O placar de 2 a 0 a favor dos corintianos, leva a decisão para os pênaltis.

Rivalidade, pressão e clima de guerra foram os ingredientes do clássico entre Flamengo e Vasco pelas quartas de final da Copa do Brasil no Maracanã.

O treinador Jorginho estreou ontem pelo Vasco, justamente em uma competição mata-mata diante do maior rival. A vitória do Vasco contra o Flamengo, (a terceira no ano) não poderia vir em melhor hora. Afinal o Cruz-maltino vive uma fase terrível no campeonato brasileiro, ocupando a lanterna do torneio e com um risco altíssimo de rebaixamento.

Mas esses fatores, (pelo menos ontem) foram esquecidos pelos vascaínos. E o time entrou com a força que precisava para vencer os rubro-negros.

Em uma partida movimentada, com boas opções e lances de perigo, o Vasco conseguiu bater o adversário nessa primeira partida pelo placar de 1 a 0, (gol de Jorge Henrique). A partida ofereceu lances de certo brilho, com boas jogadas e os goleiros trabalhando bem.

Para o jogo de volta, que também será disputado no Maracanã, a partida não terá critério de desempate por gols fora de casa, (diferente do restante das partidas).

Para o Vasco, um empate já resolve para avançar a fase seguinte. E aos flamenguistas, uma vitória por 2 gols os classifica.

Qualquer vitória do Flamengo por 1 gol de diferença, levará a partida para a disputa de pênaltis.

Com a derrota para o rival, o treinador Cristóvão Borges foi demitido do comando do Flamengo.

Os clubes voltam a se enfrentar na próxima semana para decidir a vaga as quartas de final.

Nesta quinta feira, outras três partidas completam a rodada da Copa do Brasil.

Ás 19:30 o Internacional recebe no Beira Rio a equipe do Ituano, mesmo horário do confronto entre Fluminense e Paysandu, que se enfrentam no Maracanã.

E ás 21:30, no Morumbi, o São Paulo recebe o Ceará.

Foto: Cesar Greco / Palmeiras / Divulgação