Sem erro! Confira 5 desafios do Flamengo para o segundo turno do Brasileiro

Gilvan de Souza/Flamengo

O Flamengo começa neste domingo, contra o São Paulo no Maracanã, o segundo turno do Campeonato Brasileiro tentando mudar muita coisa. Em 19 rodadas, o Urubu somou apenas 23 pontos, que o deixa na 13ª posição da tabela, distante do primeiro pelotão e bem próximo da zona de rebaixamento. O jogo contra o Tricolor marcará a estreia de Oswaldo Oliveira, terceiro técnico rubro-negro na competição, que certamente tem muitos erros para consertar para a reta final.

LEIA TAMBÉM:
Musa do Flamengo: conheça a atriz que fisgou o coração de Oswaldo de Oliveira

Flamengo é líder com folga em venda de camisas no Brasil. Veja números!

A seguir, o Torcedores.com enumera X erros que o Flamengo cansou de cometer e que agora precisam acabar se a equipe pensa em coisas grandes no Brasileirão.

1) Parar de tomar gols
Hoje o Flamengo é o segundo time que mais toma gols no Brasileiro. São 28 gols sofridos, melhor apenas que o Vasco, com 31 e lanterna da competição.

2) Melhorar na bola aérea
Desde o empate contra o Santos, pela 17ª rodada, o Rubro-Negro vem falhando frequentemente quando os adversários alçam bolas na área. Contra o Peixe, o artilheiro Ricardo Oliveira marcou de cabeça. No jogo seguinte, contra a Ponte Preta, gol de cabeça do zagueiro Pablo. Na última partida contra o Palmeiras, Jackson abriu o placar após escanteio e Samir fez gol contra na etapa final após lateral batido para o alto. Novamente bobeada da zaga no alto.

3) Definir a dupla
Com buracos na defesa a todo jogo, Oswaldo terá pouco tempo para escolher quem vai compor a defesa rubro-negra. Seu antecessor Cristóvão Borges tentou de tudo: Samir e Wallace, Samir e César Martins, César Martins e Marcelo, Marcelo e Wallace, César Martins e Wallace… O problema continua, então o técnico terá que dar confiança aos pupilos ou pedir para a diretoria trazer outro defensor. Vale lembrar que Frauches é outra opção no banco.

4) Ganhar como mandante
Dos nove jogou que atuou diante da torcida no Maracanã, o Flamengo só venceu três. Empatou outras duas e perdeu quatro jogos. Aproveitamento de apenas 41%, um dos piores do Brasileirão e bem aquém da reputação do Urubu, que tem uma enorme nação do seu lado no Rio. No segundo turno, serão 10 partidas em casa, ou seja, 30 pontos que podem ajudar a equipe a subir bastante na tabela.

5) Emocional mais forte
Quando as coisas não dão certo para o Flamengo, o que vem acontecendo bastante ao longo deste Brasileiro, a tendência é que os jogadores se descontrolem. Geralmente em desvantagem no placar, o Rubro-Negro se lança ao ataque de qualquer maneira e comete erros sucessivos. O Fla é o líder, por exemplo, em impedimentos e terceiro em número de passes errados. Outro dado curioso e que aponta para a falta de calma é a quantidade de gols contra: três no total, que também o colocam como primeiro da estatística.

Curtiu a matéria? Siga o autor no Twitter: @fontes_matheus.
Facebook: Matheus Martins Fontes.

Fotos: Gilvan de Souza/Flamengo



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.