Valencia não sonha com títulos, mas com feitos importantes

Foto: Divulgação

O Valencia é comandado por um bilionário de Singapura, que injetou parte de sua fortuna para reforçar o elenco que vai disputar a temporada 2015/16. Dentre as novidades estão o goleiro australiano Matthew Ryan e o volante brasileiro Danilo, ex-Vasco, capitão da seleção brasileira sub20.

O time do técnico português Nuno Espírito Santo também garantiu a permanência dos atacantes Álvaro Negredo e Rodrigo Moreno, que estavam emprestados por Manchester City e Benfica, respectivamente.

Às vésperas da estreia no Campeonato Espanhol, o Valencia sonha mais alto. O clube venceu o Monaco nos playoffs da Liga dos Campeões e ficou mais perto da vaga para a fase de grupos. Caso isso aconteça, será o quinto representante espanhol no campeonato mais importante da Europa. Barcelona, Real Madrid, Atlético de Madri e Sevilla já estão classificados.

Nesta semana o Valencia oficializou a saída do zagueiro argentino Nicolás Otamendi para o Manchester City, em uma das transações mais caras do mercado da bola – R$ 185 milhões. O defensor teve uma rápida passagem pelo Atlético-MG no ano passado. Caso

A pré-temporada serviu como uma prévia para o Valencia saber mais sobre o que vem pela frente. Nos amistosos entre julho e o início de agosto, vitória sobre Southampton/ING, PSV, empate com Porto e Werder Bremen, e derrotas para Colônia, Bayern de Munique e Roma.

Foto: Divulgação