Globo impediu virada de mesa de Eurico Miranda, diz jornalista

Vasco
Foto: Paulo Fernandes/Vasco

Ao que parece, o boato dando conta de que Eurico Miranda estava tentando, junto a CBF, uma virada de mesa para garantir a permanência do Vaso da Gama na Série A do ano que vem só não se concretizou porque a Rede Globo, empresa que detém os direitos de transmissão da competição, foi contrária a medida, que também não teve a simpatia de Marco Polo Del Nero.

LEIA MAIS:
Vasco: Jorginho deveria apostar em Renato Kayser

Segundo o jornalista Cosme Rímole, do portal R7,

“A emissora acredita que uma virada de mesa também afastaria não só os telespectadores. Mas os patrocinadores. A falta de credibilidade do futebol brasileiro já é muito forte. O dirigente vascaíno é muito poderoso na Federação Carioca. Na CBF nem tanto. Marco Polo del Nero que está tentando se salvar, se segura muito mais na Globo, nas federações e na bancada da bola em Brasília do que nos clubes. Prefere se salvar do que salvar o Vasco.O Brasileiro de 2016 seguirá nos mesmos moldes deste ano. Exigência da Globo. Os executivos globais só torcem desesperadamente que um clube não dispare na liderança e tire a graça em relação ao título”, postou em seu blog.

A ideia era de que nenhuma equipe da Série A fosse rebaixada e os 4 primeiros da Série B, subissem. Desse modo, a competição passaria a ter 24 clubes, divididos em 2 grupos com 12 equipes, sendo que as 4 primeiras de cada lado passariam de fase.

 Foto: Paulo Fernandes/Vasco