Técnico do Internacional descarta G4 após derrota em São Paulo

Argel
Foto: Ricardo Duarte / Internacional

Para Argel Fucks, o time Colorado passa por um momento de reestruturação e precisa, antes de mais nada, encontrar um padrão de jogo em partidas dentro e fora do Beira-Rio. Derrota deixa o Internacional a sete pontos do G4.

LEIA MAIS
Inter joga mal e perde para o time quase reserva do São Paulo
Internacional quer vender menos jogadores em 2016 e já mira novo empréstimo

O Internacional teve boas chances em São Paulo, mas não soube aproveitar e saiu de campo derrotado para o Tricolor paulista. O técnico Argel Fucks reconheceu a superioridade do adversário em coletiva de imprensa após o jogo, e ainda foi enfático sobre a possibilidade do Colorado brigar pelo G4 da competição.

“Nunca falamos em G-4, somos pés no chão. Passamos por uma reestruturação, no aspecto físico, tático e técnico. Viemos de uma sequência de jogos muito forte e há um desgaste por causa disso.”, disse Argel, descartando no momento brigar por uma vaga para a Libertadores de 2016.

O treinador do Internacional lamentou as chances perdidas por jogadores de seu time, mas soube admitir que o São Paulo foi melhor e mereceu a vitória.

“O adversário teve uma chance de gol aos quatro minutos, depois tivemos uma oportunidade com o Valdívia e outra com o Lisandro. Poderíamos ter feito um gol no primeiro tempo. Depois voltamos para o segundo tempo, quando o adversário nos criou muita dificuldade e mereceu o resultado”, comentou Fucks.

Argel se mostrou ainda bastante incomodado com a postura do Internacional dentro e fora de casa. Para o técnico, o time precisa encontrar um padrão de jogo para não sentir a mudança de estádios.

“Precisamos rever nossa atuação fora de casa, procurar outro sistema de jogo para ser mais compacto, coeso, porque não adianta fazer um primeiro tempo bom e não ter a tranquilidade de fazer o gol, para, no segundo tempo, o adversário conseguir”, disparou.

“Dentro de casa, a equipe está tendo uma ofensividade muito grande, então temos que pensar nos próximos jogos fora de casa, para achar uma forma de ser competitivo como somos no Beira-Rio. Nossa equipe sente a intensidade do jogo, principalmente fora de casa. Jogando em casa, perante o nosso torcedor, o ânimo é diferente, como aconteceu hoje para o São Paulo. Precisamos melhorar. Se quisermos pensar em alguma coisa diferente, temos que melhorar.”, finalizou Argel.

O próximo jogo do Internacional pelo Brasileirão será no Beira-Rio, na próxima quarta, dia 9. A equipe enfrenta o Palmeiras, às 19h30, na primeira das três partidas praticamente em sequência que fará contra os paulistas. As equipes se enfrentam também pelas quartas de final da Copa do Brasil, nos dias 23 e 30 de setembro.

Foto: Ricardo Duarte / Internacional