Vitória busca recuperação na Série B contra o Criciúma de Petkovic

Pet comandou o Criciúma em 2015 -- Foto: Douglas Sartor/www.criciuma.com.br

A derrota para o Botafogo por 2 a 1 no Barradão tirou do Vitória a chance de voltar à liderança da Série B. Para piorar, o time foi ultrapassado por Paysandu e Sampaio Correa e agora ocupa o quarto lugar. Nesta terça (8) o rubro-negro enfrenta o Criciúma fora de casa às 19h (horário de Brasília).

LEIA MAIS:
De olho no G4, Paraná Clube enfrenta Botafogo no Engenhão

No banco de reservas do Criciúma estará um dos ídolos do Vitória: o ex-atacante Petkovic. O sérvio que passou por clubes cariocas começou a jogar no Brasil pelo clube de Salvador em 1997 e agora trabalha como técnico no sul do País.

O Criciúma (11º) tem seis vitórias em oito jogos no Estádio Heriberto Hulse. O time está com 32 pontos, a seis do G4, e precisa vencer para continuar sonhando com o acesso para a Série A. Se depender da torcida, o time catarinense vai longe, visto que os ingressos para esta partida se esgotaram antecipadamente.

Cristiano, suspenso, e Tiago Adan, lesionado, são desfalques do Criciúma. Guilherme Santos e Neto Baiano devem ser os substitutos. Rômulo, Heitor e Paulinho também seguem fora.

Sem Elton e Escudero, artilheiros do Vitória na Série B, o técnico Vagner Mancini também não poderá contar com o goleiro Fernando Miguel. Mais seis jogadores estão no Departamento Médico: Luiz Gustavo, André Castro, José Welison, Maracás, Gustavo e Josué.

Neto Baiano e Lucca são os principais destaques do Criciúma e já marcaram três vezes cada. O time perdeu dois jogadores na última semana: o zagueiro Iago Maidana e o atacante Juba assinaram a rescisão de contrato e não trabalham mais com o elenco.

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES:
Criciúma:
Luiz, Jonas, Wanderson, Willian Rocha e Guilherme Santos; Wellington, Marcão e Natan; Neto Baiano, Jefferson e Lucca. Técnico: Petkovic
Vitória: Gatito Fernández, Diogo Mateus, Guilherme Mattis, Ramon e Diego Renan; Marcelo Mattos, Flávio, Pedro Ken e Jorge Wagner; Rhayner e Robert. Técnico: Vagner Mancini