6 gigantes que deram certo no futebol (na linha)

altos
Getty Images

Ser um gigante no mundo do futebol pode ser um problema: tem torcedor que acha que só por que alguém tem pernas maiores que os “normais” não pode ter o mesmo talento, e deveria jogar basquete ou vôlei. Felizmente, há diversos atletas que provaram e continuam provando o contrário.

Leia mais: 10 baixinhos que deram certo no futebol
Por que o torcedor é tão imediatista e tem medo do diferente?

Jogadores como Crouch e Koller podem não ser os mais talentosos do mundo, mas provam que o espaço existe para jogadores com mais de 2 metros na linha, não só como goleiro. Podem até ficar focados nas ogadas de cabeça, mas se o talento existe neste tipo de jogada, por que não? Veja abaixo “gigantes” que, ao seu jeito, deram certo no mundo da bola:

petercrouch-tmPeter Crouch – 2,01m
Crouch alvez seja o mais famoso “gigante” do mundo da bola neste século. Titular da seleção inglesa por alguns anos, foi símbolo da tática do “chuveirinho” para a área e, até hoje, marca seus gols pelo Stoke City.

Jogou até duas Copas do Mundo, em 2006 e em 2010, e fez gol na primeira, contra Trinidad & Tobago. Além disso, já fez muito gol acrobático, possível só para quem tem tanta perna quanto ele.

 

altosJan Koller – 2,02
Outro gigante que foi titular de seleção e jogou Copa do Mundo, fazendo um gol contra os EUA. O tcheco esteve em 2006, mas não conseguiu ajudar sua seleção a passar de fase. Também foi destaque na Euro de 2004, quando os tchecos alcançaram as semifinais.

Também fez sucesso no Borussia Dortmund e foi campeão alemão como titular em 2002. Nada mal para um especialista em gols de cabeça.

 

altosNikola Zigic – 2,02m
Fundamental nas eliminatórias da Copa de 2005 para a Sérvia e Montenegro, e também marcou na Copa, contra a Costa do Marfim. Era adepto do estilo “joga para o alto na área e torce para ele alcançar” e se consolidou em times que jogavam assim.

Em 2010 também teve destaque, ao dar a assistência (de cabeça, é claro) para o gol que fez a Sérvia bater a Alemanha.

 

fabaoFábio Santos – 2,04m
O zagueiro brasileiro pode não ter tido sucesso em solo nacional, mas fez seu dinheiro no chamado “mundo árabe”: jogou no Líbano, Síria e Qatar.

Se alguém gosta de zagueiros altos, Fabão, como é conhecido, seria uma ótima peça a ser adicionada.

 

 

altosLacina Traoré – 2,03m
Outro jogador de seleção – mas, neste caso, cortado da última lista da Costa do Marfim para a Copa de 2014. Traoré atuou pelo Anzhi, quando este era o “novo rico” do futebol russo, depois conseguiu vaga em dois clubes médios mas que tentam ser grandes na Europa: Monaco e Everton.

Mas usa melhor fase veio no pequeno Kuban, da Rússia, quando marcou 18 gols. Mas seu sucesso é ainda maior fora dos campos: é considerado um ótimo saxofonista e cantor na Costa do Marfim.

 

altosTor Agne Aaroy – 2,04m
Por que dizer que um jogador com passagens obscuras por Aalesund, Frigg e Rosenborg, da Noruega (país natal do atacante) e JEF United, do Japão, teve uma carreira de sucesso?

Simples. Porque no FIFA 15 ele foi listado como o atleta mais alto do jogo. É um feito, não?

 



Jornalista esportivo.