Após vitória no UFC 192, Peña avisa Ronda: “Se ela é o Tyson, sou o Holyfield”

Crédito da foto: Getty Images

Mal esperou ser anunciada como vencedora do UFC 192 no confronto diante Jessica Eye neste sábado (3), no Texas (EUA), a lutadora Julianna Peña já pensa mais à frente. A mira, como não podia deixar de ser, é a invicta e campeã do peso-galo da organização, a estrela Ronda Rousey. A provocação de Peña foi logo comparativa, após Ronda afirmar recentemente que se parecia com Mike Tyson.

LEIA MAIS
Tudo o que você precisa saber para o UFC 192

“Eu tenho seis vitórias no octógono, assim como a Ronda Rousey. Se ela é o Mike Tyson, eu sou o Evander Holyfield”, provocou a campeã do TUF 18 (The Ultimate Fighter), se igualando o ex-boxeador Evander Holyfield, que fazia uma das rivalidades mais históricas da história do esporte mundial com Tyson nos anos 1990.

E Peña não quer ser coadjuvante no UFC, quer ser protagonista. “Por que não olhar para frente? Não entrei nesse esporte para ficar lá embaixo. Entrei para provar que sou a melhor lutadora do mundo. Eu tenho 3-0, Ronda tem 6-0, então acho que posso enfrentá-la. Jessica Eye receberia a chance se tivesse derrotado Miesha Tate, então, por que não eu?”, declarou.

Julianna Peña superou Jessica Eye na decisão dos jurados, após fazer 30-27, 30-27 e 29-28 nos três rounds no Texas.

Crédito da foto: Getty Images



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Foi repórter colaborador e hoje é líder da comunidade de colaboradores juniores, plenos e seniores no site Torcedores.com.