Flamengo: Atacante chama juiz de “gente boa” por não ter anulado gol polêmico

Foto: Divulgação

Gabriel não tentou dar uma de “espertão” na saída de campo e admitiu que no lance que originou seu gol, e o segundo do Flamengo na vitória sobre o Joinville no Maracanã, a bola bateu realmente no seu braço. Entretanto o atacante deixou claro em todas as entrevistas que o lance foi legal, pois não alterou a trajetória da bola. O que impressionou mesmo foi a forma com que ele comentou sobre o assunto, mostrando bom humor.

LEIA TAMBÉM:
Flamengo: Oswaldo explica saída de Guerrero: “Tentei resguardá-lo”
Enquete: Árbitro acertou em validar o gol de Gabriel, do Flamengo?
Flamengo 2×0 Joinville: assista aos gols da vitória rubro-negra
Padrão Fifa? Torcedores do Flamengo detonam gramado do Maracanã na web

Com sua irreverência habitual, Gabriel brincou por o árbitro Luiz Flávio de Oliveira não ter marcado o toque de mão na bola. “Gente boa ele, né? Bacana (risos)”, disse o atacante, que completou: “a bola raspou no peito e no braço, e daí tive que concluir. Não podia parar”.

Reveja o gol:

O técnico Oswaldo de Oliveira elogiou bastante o autor do segundo gol e disse que continuará dando chances a Gabriel na sequência do Brasileiro. O próximo compromisso do Flamengo acontece daqui a 10 dias contra o Figueirense, em Florianópolis.



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.