Imprensa inglesa detona seleção de Rugby após derrota para Austrália

guar041015-1A Inglaterra viveu neste sábado (3) um vexame histórico na Copa do Mundo de Rugby. No jogo disputado em Twickenham, a Austrália bateu os donos da casa por 33 a 13, em uma atuação marcante de Bernard Foley, o camisa 10 dos Wallabees.

O resultado, aliado a derrota para o País de Gales na última semana marcou a eliminação dos Roses, da competição que eles organizaram, o que mereceu manchetes nada elogiosas dos principais jornais ingleses.

O “Times”, considerado como um dos mais sisudos da imprensa britânica disse que “a Inglaterra foi chutada para fora de sua Copa do Mundo”. O “Guardian” classifica a derrota para a Austrália como humilhante.

Já o Daily Mail destaca a humilhante participação do time na partida deste sábado, em que a equipe falhou na tentativa de passar da fase de grupos e que esta é a pior participação dos donos de casa em uma Copa. O Independent diz que para Stuart Lancaster não tem volta, ele tem que deixar o comando dos Roses.

O camisa 10 Owen Farrell também foi bastante criticado por um tackle sem bola em um adversário, que resultou em cartão amarelo e afastamento do jogo por 10 minutos, justamente na parte final da partida daquele que é o melhor chutador do time inglês, deixando a equipe apenas com 14 homens em campo.

Foto: Reprodução do site The Guardian