Kayke diz que pode atuar com Guerrero: “jogadores com características diferentes”

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Atacante deve voltar a ter oportunidade no time do Flamengo com a ausência de Guerrero, que se apresentou a seleção peruana para disputa das eliminatórias da Copa do Mundo. Kayke já marcou quatro gols neste Brasileirão e ainda sonha em ser titular.

LEIA MAIS:
Corinthians faz parceria com time do Rio de Janeiro
Alan Patrick exalta torcida do Flamengo em rede social: “Maior do Mundo”
Artilheiro do Ano: Kieza deixa Pato e Kayke para trás e diminui diferença para Ricardo Oliveira
Brasileirão: confira como está a classificação do segundo turno, que tem novo líder
14 opções de zagueiros para seu time se reforçar em 2016

O Flamengo terá um importante desfalque na semana de treinos pela paralisação no brasileiro e também para o jogo contra o Figueirense, que acontece no dia 17. Convocado para seleção peruana, Guerrero também não vai participar do amistoso diante da Desportiva, domingo, no Espírito Santo.

Sem poder contar com Guerrero, principal jogador da equipe, Kayke deve voltar a ter oportunidade no comando de ataque rubro-negro. O camisa 27 tem quatro gols neste Brasileirão, e ainda luta para ser o artilheiro do Ano. O atacante foi ultrapassado por Kieza, está empatado com Pato, e atrás de Ricardo Oliveira.

O camisa 27 disse, ao participar de um programa na Fox Sport, que tem características diferentes de Guerrero, e que atuar ao lado do peruano depende apenas do treinador, Oswaldo de Oliveira.

– Quem manda é o Oswaldo. Estou aqui para ajudar da forma que for. Já atuei em outras funções. Já atuei em esquema semelhante pelo Paraná em 2013 desta maneira, no Atlético-GO também. Estou atuando como falso 9, e meu porte físico ajuda. A torcida gosta de comparar, mas são jogadores com características diferentes. O mais importante é o Flamengo continuar vencendo independente de quem vai atuar.

O atacante disse que chegou ao Flamengo querendo ajudar da melhor forma possível, mas que o rápido entrosamento da equipe o surpreendeu.

– A minha expectativa quando cheguei era ajudar da melhor forma possível. Mas foi de uma forma surpreendente não só para a torcida, como para mim. Claro que esperava que fosse iniciar bem, todo mundo espera isso em uma nova casa. Não coloco isso como foco, mas não sou diferente de ninguém. Vou sempre procurar fazer meu melhor. Tem situações que você precisa ser profissional e respeitar, algo que aprendi ainda mais quando joguei fora do Brasil – disse Kayke.

VEJA FOTOS DE KAYKE NO FLAMENGO:

Créditos: Gilvan de Souza/Flamengo

Curtiu essa matéria? Siga o autor no Twitter: @allanmadi