Pela Quarta Divisão do Paulista, Inter joga pelo acesso à A3 de 2016

A Internacional de Bebedouro recebe o EC São Bernardo pela sétima rodada da segunda fase da Quarta Divisão do Campeonato Paulista, neste domingo (04), às 10h, no Estádio Sócrates Stamato. Com 10 pontos e em terceiro colocado, a Inter está próxima de conquistar o acesso à A3 do Campeonato Paulista em 2016.

LEIA MAIS
Sérgio Vieira assume comando interino do Atlético-PR
5 estádios que você precisa conhecer no futebol paulista
Atlético-PR anuncia parceria com o Guaratinguetá e emprestará 16 jogadores

Determinação é a palavra mais usada entre os atletas do Lobo. Neste final de semana, a equipe terá mais um desafio para alcançar o objetivo da torcida e diretoria, que segue com ótimo trabalho em 2015.

Nas arquibancadas, os torcedores do Lobo mostram confiança e empolgação a cada partida do time. O zagueiro Taison, com exclusividade para o Torcedores.com, disse que o 12º jogador deve ser a torcida.

“As expectativas são as melhores. Teremos estádio lotado. Então, só nos resta trabalhar muito e caminhar de degrau a degrau”, disse.

Com a boa campanha da Inter no torneio, além dos atletas, o responsável por isto é o técnico Pinho, que chegou ao clube para a competição e vem mostrando serviço. Sem deixar de lado, o meio-campista Rafael Moretto enalteceu o trabalho feito pelo treinador para o duelo deste domingo (04).

“Pinho é um excelente treinador, essa semana ele motivou bastante os jogadores sabendo da importância do jogo. Como ele disse vai ser uma final para nós”, destacou.

E, ainda, Moretto revelou o segredo do sucesso da Inter. “É continuar focado com humildade e a união que nós temos, tanto os jogadores, comissão técnica e diretoria. Sabemos que o acesso vai ser muito importante para todos os envolvidos e, principalmente, para cidade que abraçou o time”, finalizou.

Foto: Reprodução/Facebook



Ribeirão-pretano com orgulho e apaixonado por todas as modalidades esportivas. Jornalismo esportivo é uma das paixões que carrego em meu peito. Sonhar é o que mantém o Homem vivo. "O Homem não morre quando deixa de existir, e sim quando deixa de sonhar".