Pirlo no Palmeiras: verdade ou mentira? Veja o que sabemos até agora

Eurocopa
Crédito da foto: Getty Images

Desde o último sábado, circula na internet um rumor de que o italiano Andrea Pirlo pode pintar no Palmeiras. Entre empolgação de torcedores, informações desencontradas e poucas confirmações, veja o que já sabemos sobre a possível contratação até aqui:

– Todos os veículos que repercutiram o rumor da negociação dão como crédito uma suposta notícia dada pelo jornal Orlando Sentinel, dos Estados Unidos.

LEIA TAMBÉM
Em meio à especulação, palmeirenses “invadem” instagram de Pirlo

– Apesar de ter servido como base para as notícias aqui no Brasil, a publicação no Orlando Sentinel também não foi confirmada e teria sido veiculada apenas na versão impressa do jornal, pois não consta no site.

Orlando Sentinel

– De acordo com a repercussão da notícia pelo jornalista Renato Maurício Prado, no canal Fox Sports, a chegada do veterano italiano, atualmente com 36 anos, poderia ser um “presente” da Crefisa ao clube. A patrocinadora do Verdão pretende investir bastante no plantel visando formar um time campeão em 2016.

– O portal italiano Fanta Gazzetta também repercutiu a notícia, destacando, no entanto, que Pirlo e New York City possuem contrato firmado por um ano e meio, com um acordo financeiro que gira em torno de 10 milhões de euros por temporada, valor, este, que pode ser um grande entrave para o italiano vestir as cores do Palmeiras no ano que vem.

– Durante a Copa do Mundo de 2014, o jogador italiano já tinha manifestado interesse em jogar por um time brasileiro para poder disputar torneios diferentes.

– Esta não é a primeira vez que Pirlo é especulado no Palmeiras: em janeiro de 2014, a Fox Sports já havia repercutido uma informação do portal italiano Gianlucadimarzio.com, que dizia que o clube paulista tinha proposta para Pirlo e Luca Toni.

VEJA TAMBÉM:
10 contratações de peso do Palmeiras que nunca aconteceram

*Colaborou: Rogério Lagos

Foto: Getty Images



Flávio Moreira é jornalista especializado em mídias sociais. Com passagens por UOL e Electronic Arts, é apaixonado por esporte e acredita na produção de conteúdo feito de torcedor para torcedor.