Veja o que pode acontecer com o Palmeiras se o clube não conquistar a Copa do Brasil

Palmeiras e Santos iniciam nesta quarta-feira (25) a disputa pelo título da Copa do Brasil de 2015, e se para alguns o Peixe é o grande favorito, o Alviverde tem motivos de sobrar para dar o sangue e a vida pelo título da competição. Se não… as coisas ficarão bem complicadas nos bastidores do clube.

LEIA MAIS: 
Marcelo Oliveira declara: “quero fazer parte da história do Palmeiras”
Marcelo Oliveira não garante Arouca contra o Santos
Ídolos do Palmeiras fazem VÍDEO ESPECIAL para a final da Copa do Brasil; assista!
Neto detona defesa do Palmeiras e diz que Santos é favorito

O Torcedores.com listou algumas coisas que podem acontecer com o Palmeiras se perder perder o título e a vaga na Libertadores 2016.

Vexame:

Depois do início de ano espetacular, com mais de 20 contratações, patrocínio máster, chapéus nos rivais, boom de sócios – torcedores e alguns feitos importantes conquistados em campo, como as goleadas contra o São Paulo e a classificação para final do Paulistão contra o Corinthians, em Itaquera, a não conquista de “pelo menos” uma vaga para a Libertadores será um verdadeiro vexame.

As coisas podem ser ainda piores se apenas o Alviverde, entre os clubes paulistas, ficar fora da competição. Vale lembrar que o Corinthians já está classificado, São Paulo e Santos ainda brigam por G4, sendo que o Peixe pode conquistar a vaga com o título da Copa do Brasil.

Permanência do Marcelo Oliveira:

O Palmeiras não joga bem há muito tempo, e um dos principais culpados é o técnico Marcelo Oliveira, que não consegue dar padrão ao time e nem acabar com os graves problemas de marcação. Se ele “conquistar” seu quarto vice na Copa do Brasil, dificilmente será mantido para 2016, mesmo o presidente Paulo Nobre garantindo sua permanência até o final de seu contrato.

Alexandre Mattos:

Há quem diga que Alexandre Mattos já não tem mais o mesmo prestígio que tinha no início o ano, primeiro por algumas contratações que – definitivamente – não deram certo, e segundo por problemas com membros do Conselho Deliberativo. Um possível fracasso em 2015 poderia resultar em sua saída do clube para a próxima temporada.

Allianz Parque:

Se o Palmeiras não conquistar a Copa do Brasil e ficar fora da Libertadores, a diretoria irá sentir no “bolso” o peso do fracasso, isso porque em 2016 o torcedor deixará a empolgação de lado e não irá aos jogos no estádio com tanta frequência e quebrando recordes de públicos e rendas.

Cotas de transmissão: 

O título e a vaga da Libertadores poderiam aumentar a verba da TV (Rede Globo), a quantidade de jogos exibidos na rede aberta, além da quantidade de patrocínios pontuais de eventuais jogos importantes da competição internacional.

Foto: César Greco/Ag.Palmeiras