Atlético-MG: Levir diz que é burrice da diretoria esperar acabar o Brasileiro para trocar de técnico

Crédito da foto: Bruno Cantini/CAM

O Atlético-MG segue sem definição sobre quem será o técnico para a temporada 2016. O atual comandante Levir Culpi ainda não foi procurado pela diretoria para renovar seu vínculo e, após os últimos resultados, está bastante pressionado e pode não permanecer no clube no próximo ano. A demora para o desfecho já começa a incomodar o treinador, que demonstra impaciência com a situação.

LEIA MAIS
Mercado da bola: Muricy pode treinar o Atlético-MG em 2016
Grêmio e Atlético-MG farão uma “decisão” inédita pelo vice-campeonato brasileiro

“Se o Atlético estiver com essa ideia (de trocar), acho burrice (esperar). Já é uma burrice não ter me procurado antes. Seria burrice, é perda de tempo. O Muricy pode ter conceitos diferentes do meu, ou sei lá quem, Felipão, Cuca. Temos conceitos diferentes. Quanto antes, melhor. Estaria esperando o quê?”, disse ele à ESPN Brasil nesta segunda-feira (23).

Um dos nomes que começa a ganhar força é o de Muricy Ramalho, o que não seria surpreendente aparecer na Cidade do Galo, segundo Levir. “Absolutamente, ainda mais pela capacidade do Muricy. Se tiver algum problema mesmo, quem não está deixando correr é o Muricy, porque eu o conheço”, declarou. “Com um técnico trabalhando, pela personalidade e o caráter do Muricy, ele não quer conversar. Ele quer que o Atlético diga: Levir, você está fora”, complementou.

Por fim, o técnico falou como está as tratativas para a renovação de acordo, que segue indefinido. “O Atlético já me chamou. Me fez uma proposta, eu passei uma contraproposta. Ficamos de resolver novamente e não tivemos esse encontro para decidir”, explicou Levir Culpi.

Crédito da foto: Bruno Cantini/CAM



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com.