Gerrard sai em defesa da MLS: “Se os jogadores pensam em vir aqui para tirar férias e se aposentar, estão enganados”

Em entrevista para o canal Eurosport, Steven Gerrard admitiu que subestimou o nível da liga ao chegar nos Estados Unidos e que pagou caro por isso.

Gerrard foi uma das maiores contratações de 2015. Em um time repleto de estrelas como Omar Gonzalez, Robbie Keane e Giovani dos Santos, Gerrard chegou para ajudar o atual campeão LA Galaxy a conquistar o sexto título da MLS Cup. A equipe, porém, foi eliminada logo na primeira rodada dos playoffs para o Seattle Sounders, o que fez Steven Gerrard refletir sobre o nível da liga norte-americana. Em entrevista ao Eurosport, o meia admitiu que subestimou o nível de jogo do campeonato, mas que pagou um alto preço por isso.

“É muito melhor do que eu pensava no começo. Muitas pessoas falam da MLS, do nível de jogo, mas pra mim estão errados. Até você vir até aqui e ver por você mesmo, não se tem a real dimensão do quão forte é a liga e de como os jogadores são profissionais”, respondeu Gerrard alertando aqueles que ainda veem a MLS como um campeonato para jogadores em fim de carreira.

Gerrard ainda comentou sobre a necessidade de estar em forma. O ex-capitão do Liverpool e da Seleção da Inglaterra se surpreendeu com as longas viagens e mudanças de clima.

“Cada jogo é um desafio diferente. Você conhece lugares quentes e húmidos, outros com campos de grama sintética. Cada jogo tem sua complicação. Nas partidas em casa, fomos uma equipe forte e tivemos apresentações muito boas”.

Apesar dos elogios, Gerrard também reconhece que as partidas disputadas fora de casa foram um problema em 2015 e que isso precisa mudar para a próxima temporada. Foram apenas 2 vitórias, 9 derrotas e 6 empates como visitante. A equipe pagou caro por isso e acabaram eliminadas dos playoffs antes do previsto. O inglês acredita que com a preparação certa no período de férias poderá ajudar a equipe desde o início da temporada.

Gerrard finalizou com um aviso aos jogadores que pensam em ir para os Estados Unidos: “Eu acho que a MLS está conseguindo crescer em todas as áreas e isso me faz crer de que o crescimento será contínuo. Se as pessoas pensam que podem vir para ter férias e se aposentarem, estão erradas. Não irão conseguir jogar em alto nível e não serão justos com a equipe. Tive que trabalhar muito para entrar em forma quando cheguei aqui, ter certeza de que poderia manter a performance e jogar bem”.

Créditos da foto: Facebook



Jornalista Esportivo formado pelo Mackenzie e pela UCLA com passagem pela Rádio Bandeirantes, fundador do perfil Arquivo do Futebol (@futebolarquivo) e jornalista do MLS Brasil. Escreve para o Torcedores.com desde 2014. Twitter: @paulogcanova