Pensando no G4, Argel critica o futebol do Internacional

Argel
Ricardo Duarte / Internacional

Para o treinador, time precisa jogar muito mais se quiser entrar no G4 e garantir uma vaga para a próxima edição da Taça Libertadores da América. Neste sábado, a vitória por 1-0 diante da Ponte Preta aconteceu, mas o futebol apresentado não foi dos melhores.

LEIA MAIS
Dirigente da Ponte Preta dispara contra técnico do Internacional
Vice de futebol do Internacional opina sobre a confusão no Beira-Rio
Argel explica lance polêmico da vitória do Internacional

Faltam apenas quatro rodadas para o Internacional tentar garantir uma vaga dentro do G4 do Brasileirão, mas se depender do futebol apresentado nas últimas partidas, o objetivo colorado não irá acontecer. Ao menos não na visão do técnico Argel Fucks.

“Não é um futebol espetacular que estamos jogando. Sabemos disso. Estamos nos preocupando com o resultado. A margem de erro tem de ser zero”, reconheceu Argel, para depois completar: “Não sou analista, sou treinador. Vejo futebol de uma forma, mas tenho a consciência que precisamos jogar muito mais”, opinou.

Opinião similar tem o torcedor colorado que, durante a partida contra a Ponte Preta, por diverdas vezes demonstrou sua insatisfação com o futebol do time nas arquibancadas do Beira-Rio.

“O torcedor tem sua insatisfação, quer ver o time ganhar jogando bem. Mas agora o que importa é a vitória, somar os três pontos. Neste fim de campeonato, todos os jogos vão ser complicados. Os times ainda brigam por alguma coisa”, contemporizou o vice presidente de futebol do Internacional, Carlos Pellegrini.

O Internacional chegou aos 53 pontos e agora torce contra o Santos e o São Paulo, que ainda jogam neste domingo e possuem a mesma pontuação dos gaúchos. Na próxima rodada, o colorado enfrenta a Chapecoense fora de casa, na Arena Condá, dia 19, pela 35ª rodada do Brasileirão 2015.

Foto: Ricardo Duarte / Internacional