UEFA confirma jogo de Liga Europa mesmo após furto de chuteiras

Foto: Reprodução

A partida entre Olympique de Marselha e Braga está marcado para hoje (5) a tarde. Estava quase tudo pronto para o confronto, mas as chuteiras de todos os jogadores do Braga foram furtadas.

Como é de costume nos confrontos europeus, os jogadores do time visitante realizam um treinamento no estádio da partida um dia antes dos confrontos para reconhecimento de gramado.  Os jogadores deixam seus pertences para os roupeiros do clube prepararem tudo para a partida no dia seguinte. Assim foi feito no estádio Vélodrome do Olympique de Marselha.

LEIA MAIS: 
Na TV: Liga Europa é destaque em Esporte Interativo, Fox e ESPN

Nesta quinta-feira (5) de manhã, os roupeiros do clube Braga foram fazer os últimos acertos no vestiário para a partida e, para a surpresa de todos, as chuteiras dos jogadores não estavam mais lá. Foram todas furtadas.

“Confirmamos o ocorrido. Os dois clubes estão trabalhando em conjunto para encontrar uma solução, por exemplo substituir as chuteiras. O jogo vai ocorrer como marcado, às 16h – horário de Brasília -“, disse à agência Lusa uma fonte oficial da UEFA.

Cancelar a partida chegou a ser cogitado pela UEFA, mas imediatamente a possibilidade foi descartada, o que tem provocado revolta dos portugueses.

“Estamos falando de dois, três pares de chuteiras por jogador. A única solução, na impossibilidade de  vir de Braga, seria comprar novas”, com todos os riscos de lesões que o uso de chuteiras novas implicam para os jogadores, explicou um dirigente do Braga à agência Lusa – imprensa oficial do clube português.

O Marselha, responsável pelo estádio e que garantiu segurança aos responsáveis bracarenses, não tem ainda explicação para o ocorrido, visto que não tem câmeras de segurança nos vestiários.

A polícia francesa está no local para cuidar do ocorrido.

Foto: Reprodução