Vereador de São Paulo prevê tragédia em final da Copa do Brasil disputada na Vila Belmiro

Santos e Palmeiras fazem o primeiro duelo da final da Copa do Brasil no dia 25 de novembro, na Vila Belmiro. Apesar de o estádio santista estar acostumado a receber clássicos regionais, há quem duvide do êxito da organização da partida, como é o caso de  vereador da cidade São Paulo Laércio Benko (PHS/SP), presidente da CPI que tem o objetivo de acabar com a violência entre torcedores.

LEIA MAIS:
Segundo jornal, jogador do Chelsea prefere “perder do que ganhar com Mourinho”
Com sensualidade, ex-namorada de piloto faz pedido inusitado na web
IMPRESSIONANTE! Jon Jones levanta mais de 200kg em vídeo
Na 3ª divisão, time da Alemanha exibe o maior bandeirão da Europa; assista
No Real Madrid, Mourinho quase brigou com Cristiano Ronaldo, diz livro

Em audiência realizada nesta quarta-feira (04), na Câmara de Vereadores da capital paulista, o político confirmou seu temor para o duelo:

“A final da Copa do Brasil na Vila Belmiro, em Santos, é de uma irresponsabilidade gigante, não há estrutura para garantir a segurança nesse jogo”, disse Benko.

A confederação Brasileira de Futebol (CBF) mudou as datas das finais da Copa do Brasil a pedido das equipes. Os jogos, que ocorreriam respectivamente nos dias 4 e 25 de novembro, foram transferidos para os dias 25 de novembro e 2 de dezembro.