De volta ao cenário nacional: 2015 entra para a história do Botafogo-SP

O ano de 2015 entra para a história do Botafogo Futebol Clube. A equipe de Ribeirão Preto conseguiu números expressivos ao longo da temporada com desempenhos positivos na Série A1 do Campeonato Paulista, chegando nas quartas de finais, e conquistando o título na Série D do Brasileiro. Nas categorias de base, o clube teve o vice-campeonato na Copa São Paulo de Futebol Júnior.

LEIA MAIS:
Clássico paulista poderá ter encontro entre Obina e Eto’o na mesma equipe
Chapecoense contrata ex-lateral do Goiás e revelação do interior paulista
Destaque do Olé Brasil, volante não esconde desejo em defender clube da região

O primeiro semestre foi do jeito que todo torcedor gosta. A equipe conseguiu a classificação para a segunda fase, mas caiu diante do Palmeiras em um jogo polêmico no Allianz Parque. Mesmo com a eliminação, o Tricolor de Ribeirão chegou entre os oito melhores do Paulistão pelo terceiro ano consecutivo.

Na segunda metade na temporada, o tão sonhado acesso à Série C chegou após 12 de insistência e luta. Depois de um início nada brilhante, o Pantera deu a volta por cima e conquistou a classificação às oitavas. O adversário seria o responsável pelo revés da primeira fase.

Fazendo o dever de casa, o Botafogo jogava de igual para igual como visitante. Foi assim que conseguiram passar pelo Crac-GO, São Caetano-SP, Remo-PA e, na final, contra o River-PI. Com os resultados de 3 a 2, no jogo de ida, e 0 a 0, na volta, o Pantera da Mogiana conquistou o caneco da Série C, voltando ao cenário nacional do futebol brasileiro.

“O trabalho de 2015 deve-se à competência da diretoria que manteve a seriedade e o respeito com a torcida. Não víamos uma equipe assim desde a última participação na Terceira Divisão. Agora é manter o foco e os pés no chão, porque 2016 promete”, destaca o botafoguense Marcelo Silva.

Para a próxima temporada, o Botafogo deve manter alguns atletas que disputaram a Série D, como o caso de Augusto Ramos, João Lucas, Vitinho e Samuel Santos. A diretoria, também, oficializou a contratação de Danilo Bueno e Serginho. A estreia do Pantera na elite do estadual será contra o Palmeiras, no dia 31 de janeiro, às 17h, no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto.

Foto: Rogério Moroti/Ag. Botafogo



Ribeirão-pretano com orgulho e apaixonado por todas as modalidades esportivas. Jornalismo esportivo é uma das paixões que carrego em meu peito. Sonhar é o que mantém o Homem vivo. "O Homem não morre quando deixa de existir, e sim quando deixa de sonhar".