Recém chegada ao Rexona/Ades, Thompson busca mais entrosamento com colegas

Reprodução/Facebook

Substituir Fofão já é uma responsabilidade para qualquer levantadora, principalmente, se a jogadora tiver que se adaptar a um novo país com características totalmente diferentes de onde atuou. Essa é a história que a norte-americana Cortney Thompson está criando no Rexona/Ades. Contratada nesta temporada, a experiente atleta ajuda o time de Bernardinho a liderar a competição.

LEIA MAIS

Rexona/Ades vence Vôlei Nestlé fora de casa e permanece na liderança da Superliga

Com experiência de ter atuado em países da Europa, essa é a primeira passagem de Thompson no Brasil. Com boas indicações, principalmente do técnico da seleção americana, Karch Kiraly, a jogadora atuou nas últimas duas temporadas pelo Volero Zurique, da Suiça.

Uma das mais experientes jogadoras do Rexona/Ades e uma das atacantes mais procuradas pela americana durante as partidas da Superliga Feminina, a ponteira Natália analisou a relação com a nova levantadora. “Estamos em busca de mais entrosamento, treinamos juntos, e ela é uma grande jogadora e veio para nos ajudar e pode ter certeza que vamos melhorar a cada jogo”, relata.

Thompson é umas das atletas convocadas para  seleção norte-americana para a disputa do pré-olímpico, por isso, o Rexona/Ades solicitou a mudanças do jogo diante do Bauru válido pela segunda rodada do returno da superliga para o fim de janeiro, data que a jogadora deverá voltar da competição.