Autódromo de Curitiba terá atividades encerradas em junho de 2016

O Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais (PR), será desativado. Na última quinta-feira (14), o site oficial da praça esportiva confirmou a venda da área, que se transformará em um condomínio residencial e empresarial. O AIC está localizado em uma das áreas mais valorizadas da cidade vizinha da capital paranaense.

LEIA MAIS:
Max Verstappen anda com um F1 na neve; veja

“Conforme informações já prestadas anteriormente, estamos sacramentando a utilização da área do AIC (Autódromo Internacional de Curitiba) para um empreendimento imobiliário misto, justamente com duas empresas paranaenses, que se transformará, com certeza, num dos mais belos projetos urbanos do país e será um orgulho para Pinhais, Curitiba e o Paraná”, diz o comunicado, assinado por Jauneval de Oms, um dos sócios-proprietário do autódromo.

Jauvenal, que tem como sócio no Autódromo Internacional de Curitiba Fortunato José Guedes, frisou que o circuito será mantido, mas que a pista receberá somente alguns eventos especiais. O ainda proprietário listou os pontos de viabilização do projeto que ocupará o terreno de 560 mil metros quadrados.

“Escolha e aprovação do projeto junto à Prefeitura Municipal de Pinhais; viabilização do projeto para conservação do circuito, apenas para eventos especiais; geração de empregos e incremento econômico da região; nova opção de moradia para a grande Curitiba; provável utilização do AIC será até junho de 2016”, completou.

Com a data limite para realização de eventos no circuito pinhalense, as promotoras dos campeonatos nacionais marcaram suas provas todas para o primeiro semestre. A Stock Car realiza sua Corrida de Duplas no dia seis de março, enquanto a Fórmula Truck correrá no AIC no dia dez de abril. Já a Porsche GT3 Cup terá eventos nos dias 12 de março e 21 de maio.

Foto: Bruno Terena



Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.