Presidente do Santos diz que Geuvânio tem acordo com time chinês de Luxemburgo

Santos geuvânio
Geuvânio - valor de mercado: R$ 8,6 milhões. Foto: Ricardo Saibun/Santos FC

O atacante Geuvânio pode ser mais um a deixar o futebol brasileiro com destino à China. O presidente santista Modesto Roma afirmou que o jogador já chegou a um acordo salarial com o Tianjin Quanjin, time chinês comandado por Vanderlei Luxemburgo.

Falta, no entanto, um acordo com o Santos, detentor dos direitos federativos de Geuvânio, e Modesto pretende fazer jogo duro para segurar a revelação.

“Esse assédio realmente é desgastante. Muito ruim fazerem proposta ao jogador. Se pagarem a multa rescisória, tudo bem, mas não chegou nenhuma proposta nem perto de 30 milhões de euros. Eles têm de resolver os problemas deles e quanto vão pagar ao Santos. Eles precisam chegar aos valores. Já há um acerto do time com o Geuvânio”, revelou Modesto em entrevista à Rádio Globo.

A multa contratual de Geuvânio é de 50 milhões de euros (cerca de R$ 217 milhões), mas a última proposta feita pelo Tianjin Quanjin foi de 11 milhões de euros (cerca de R$ 48 milhões).

O site chinês QQSports informou nesta quinta-feira que o time chinês vai apresentar proposta de R$ 131 milhões.

O Santos tem apenas 35% dos direitos econômico do atacante, enquanto a Doyen Sports tem 35% e os empresários dele os outros 30%.

Crédito da foto: Ricardo Saibun/Santos FC



Editor senior do Torcedores.com, o jornalista formou-se na Universidade Metodista em 2009 e passou pelas redações do Diário do Grande ABC, Agora SP, UOL e Fox Sports, onde fez a cobertura da Copa do Mundo de 2014. Está no Torcedores desde outubro de 2014.