Real Madrid e Atlético são punidos pela Fifa, e não poderão contratar nas próximas duas janelas

MADRID, SPAIN - NOVEMBER 23: Real Madrid CF president Florentino Perez gives a press conference at Estadio Santiago Bernabeu on November 23, 2015 in Madrid, Spain. (Photo by Gonzalo Arroyo Moreno/Getty Images)

Depois de punir o Barcelona, desta vez a Fifa puniu o Real Madrid e o Atlético de Madrid, nesta quinta-feira, acusados de  terem infringido a legislação vigente sobre transferências e inscrições internacionais de jogadores menores de 18 anos.

LEIA MAIS:
Mercado da bola: Após punição da Fifa, Barcelona contrata 77 jogadores em 1 dia; confira

“Foi constatado que os dois clubes violaram várias resoluções relativas às contratações e o primeiro registro de jogadores menores de idade estrangeiros, assim como outras concernentes à inscrição e participação de jogadores em determinadas competições”, informou a Fifa em comunicado.

A entidade ainda informou que os clubes terão 60 dias para recorrerem da decisão, e esclareceu que as contratações que os clubes fizerem na janela atual não entrarão na punição, alegando que esta janela foi aberta antes de os clubes serem notificados da decisão.

A Fifa ainda esclarece que a punição não será válida para as equipes femininas e de futebol de areia, e que não incluirá a venda de jogadores.

O Real Madrid ainda foi multado em 360 mil francos suíços (R$ 1,5 milhão) e o Atlético de Madrid em 900 mil (R$ 3,6 milhões), e terão de regularizar a situação dos jogadores envolvidos em 90 dias.

A punição imposta aos clubes de Madri, assim como a que aconteceu com o Barcelona, é consequência das investigações iniciadas pelo Fifa Transfer Matching System GmbH (Fifa TMS) e às quais o Comitê Disciplinar deu continuidade.

Foto: Getty Images