Sampaoli é hostilizado ao chegar no Chile e faz mistério sobre saída

O treinador Jorge Sampaoli deve seguir no comando da Seleção Chilena, após muitas especulações, o comandante foi hostilizado na volta ao Chile.

Sampaoli continua na seleção chilena de futebol. O comandante, que foi recebido com hostilidade pela torcida chilena no Aeroporto de Santiago nesta quarta de manhã, se pronunciou oficialmente sobre sua situação e disse que “seu projeto social e afetivo segue vinculado ao Chile”.

Terceiro melhor treinador do mundo, escolhido pela votação da Fifa, o argentino comunicou como tem sido a sua situação atualmente como treinador do Chile: “Não é verdade que eu não quero viver ou trabalhar no Chile. Penso continuar vivendo em Santiago. Meu contrato vazou, violando a confidencialidade para prejudicar minha imagem.

Tentaram causar danos a mim e indiretamente ao país por conta do cargo que hoje eu ocupo. Não sou ídolo, mas sim uma parte de um projeto que deu certo. Quero dizer que essa situação não foi gerada por mim. Meu projeto social e afetivo segue vinculado ao Chile”, disse Sampaoli.

De volta ao pais após participar do prêmio na Fifa, o treinador foi muito criticado e xingado por vários torcedores da Seleção Chilena que o receberam no Aeroporto. Confira abaixo o vídeo em que marca a chegada do treinador ao pais:

Foto: Getty Images



Nascido em Sorocaba, acompanha futebol desde os 8 anos e é apaixonado pelo europeu. Tem simpatia pelo Argentino e também gosta muito do Brasileiro. Basquete é outra opção boa.