Será? Levantamento diz que arbitragem brasileira acertou 90% dos impedimentos em 2015

Foto: Reprodução

Alvo constante de críticas e reclamações de jogadores, treinadores, diretorias e torcidas, a arbitragem brasileira poderá se apegar nos dados e nas estatísticas para se defenderem. Segundo o Relatório Anual de Dados de 2015, consolidado pela Comissão de Arbitragem da CBF, árbitros e assistentes tiveram um excelente aproveitamento em termos de marcações de impedimentos durante o último Brasileirão.

LEIA MAIS:

Ainda em busca de um centroavante, Inter descarta três nomes

Intermináveis! Veja quem são os atuais dinossauros do futebol brasileiro

Nos 380 jogos disputados pelo Brasileirão, foram marcados um total de 1.541 impedimentos, com um incrível índice de 90,2% de acerto dos auxiliares. De acordo com os instrutores da CBF, que utilizam recursos de vídeo para efetuar a análise de desempenho dos trios de arbitragem, os árbitros acertaram 1.390 lances de impedimento, sendo 1.078 considerados “fáceis” e 312 “difíceis”. Os erros representam 9,8% do total, em 151 marcações – 52 “fáceis” e 99 “difíceis”.

Além disso, o relatório divulgado pela CBF indica um potencial crescimento qualitativo dos árbitros. Em 2013, as marcações corretas de impedimento limitavam-se a 81%. Um ano depois, em 2014, foi observado um crescimento de apenas três pontos, resultando em um total de 84% de acertos. Para o último ano, o salto foi de seis pontos: 90,2%.

Foto: Reprodução



Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Fã de esportes, sobretudo tênis. Colorado por paixão, jornalista por vocação e tenista por opção.