Tite rompe o silêncio e comenta o desmanche: “momento muito difícil do clube”

Reprodução/Facebook

O técnico Tite rompeu o silêncio e deu na noite desta quinta-feira, em Orlando, nos Estados Unidos, a sua primeira entrevista coletiva em 2016. Como era esperado, o assunto desmanche corintiano dominou a pauta. Ele lamentou as saídas do volante Ralf e dos meias Jadson e Renato Augusto para o futebol chinês e de Vagner Love para o Monaco, da França.

LEIA MAIS:
Corinthians divulga a numeração fixa dos jogadores para a temporada; confira

“É um momento muito difícil do clube, não depende da vontade minha, do presidente, do Andrés. Eu procuro dar minha avaliação profissional, do que é o melhor para o Corinthians e trabalhar da melhor forma para que todos fiquem a partir de agora. Para passarmos a um segundo estágio, novamente essa formação de equipe. O que era expectativa alta, agora retrocede”, desabafou.

“Eu também lastimo como torcedor. Até dia 1 ou 2 não tinha nada. Depois, veio um turbilhão. A China que vá para a China (risos). Ficar a base mínima e apressar etapas para ficar forte de novo”, completou de forma bem-humorada.

O zagueiro Gil e o volante Elias podem ser os próximos a deixar o clube rumo ao futebol chinês. O primeiro é alvo do Shandong Luneng. O Corinthians já recusou três ofertas – todas recusadas. O segundo recebeu proposta do Hebei China Fortune que num primeiro momento não agradou. Tite garante não saber do futuro da dupla, porém, torce pela permanência.

“Eu não sei. Vou lutar de todas as formas, entendo que isso é o melhor para o Corinthians. Foi o motivo de não vir conversar com vocês antes, não tinha o que conversar”, contou.

Tite evitou julgar as decisões de Ralf, Renato Augusto e Jadson ao deixarem o hexacampeão brasileiro rumo a um mercado alternativo.

“Eu não posso julgar. Eu estava desempregado e não fui para a China. Eu não posso questionar. Assim como eu fui para os Emirados Árabes. A única coisa que eu vejo é que quando está trabalhando junto, seja leal. Não vai fazer depois. E eles foram leais”, afirmou.

No próximo domingo, o Corinthians tem o seu primeiro teste na pré-temporada, contra o Atlético-MG, pela primeira rodada da Florida Cup.

Foto: Reprodução/Facebook

 



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)