Austrália se preocupa com zika vírus na Rio-2016 e contrata empresa própria

Crédito da foto: Arte/Divulgação

O Comitê Olímpico da Austrália está de olho no zika vírus e para proteger seus atletas e seus oficiais por meio de uma empresa privada proverá cerca de mil repelentes para trazerem ao Brasil durante a Rio -2016

Leia mais: Ivete Sangalo nas Olímpiadas Rio 2016 ? Sim ela vai participar

“A Bushman vai fornecer seus melhores produtos para ajudar a proteger seus atletas contra inúmeras doenças causadas por mosquitos que são frequentemente encontradas no Brasil”, afirmou comunicado do comitê australiano. A empresa australiana será a responsável pela disponibilização dos repelentes.

Kitty Chiller, chefe da delegação australiana ressaltou que a atitude auxiliará a proteger os atletas não só do zika, mas de todas as doenças transmissíveis por mosquitos. Vale lembrar que o aedes aegypti além do zika, também transmite a dengue e o Chikungunya. Ainda não há vacinas disponíveis para estas doenças.

De acordo com informações do Valor Econômico, Além de receberem os repelentes, atletas e oficiais do país também foram instruídos a trazerem telas anti-mosquito ao Brasil, para usarem enquanto dormem na Vila dos Atletas.

Segundo informações da Reuters, o governo federal reconheceu na segunda (1) ter preocupação com o impacto do Zika vírus na Olimpíada deste ano no Rio de Janeiro, mas descartou cancelar o evento marcado para agosto por causa da doença, disse o ministro-chefe da Casa Civil, Jaques Wagner.

O ministro destacou que, no caso específico da Olimpíada, a principal explicação será esclarecer que o dano mais dramático que pode ser causado pelo Zika é a contaminação de mulheres grávidas, que pode resultar na microcefalia de seus bebês.

“Se não for uma mulher grávida, o risco é zero no sentido de um mal maior”, disse.

 

Imagem: Divulgação

 



Formada em jornalismo pelo Mackenzie, demorei anos para perceber que dá, sim, para ir atrás dos sonhos e trabalhar com o que se gosta: o esporte. Hoje me divido entre o esporte e a política. Nunca vou me conformar com os que dizem: "É só futebol.."