Valdivia é ídolo no Palmeiras? Para comentaristas, não: “Ídolo é o Marcos”

César Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

Valdivia deixou o Palmeiras em agosto do ano passado, mas ainda promete dar muita dor de cabeça ao clube. O meia irá à Justiça contra o Alviverde em razão de uma comissão não paga a seu pai, Luis Valdivia, quando o jogador foi recontratado pelo Verdão, em 2010.

LEIA TAMBÉM:
Palmeiras: Marcelo Oliveira encontrou dupla ideal de volantes; confira

Mercado da bola 2016: veja o resumo das negociações do Palmeiras
Marcelo Oliveira diz que Leandro Almeida sairá do time titular do Palmeiras
Gabriel Jesus quebra jejum de 12 jogos sem marcar com a camisa do Palmeiras
10 zagueiros que o Palmeiras poderia contratar para vaga de Leandro Almeida

Nesta semana, depois do apresentador Neto, do programa ‘Os Donos da Bola’, antigo desafeto de Valdivia, criticar a atitude do chileno, ele foi destaque também na mesa de debates do programa ‘Linha de Passe’, da ESPN.

O apresentador William Tavares perguntou se Valdivia era um ídolo no Palmeiras. Para José Carlos Trajano, no Palmeiras, ídolos são Marcos, Ademir da Guia, Oberdan Cattani e Julinho Botenho, por exemplo. “Ele só era um jogador querido pela torcida”, disse. Tavares completou: “Na minha ótica, eu nunca achei que ele tivesse tamanho para ser ídolo no Palmeiras”.

“Uma coisa são esses ídolos que param de jogar e continuam na história do clube, outra coisa são esses ídolos provisórios, com prazo de validade. Valdivia foi um deles”, disse Gian Oddi. “Estamos confundindo ídolos com destaques”, finalizou Trajano.

Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras/Divulgação