Opinião: Cinco razões para a vitória do Corinthians sobre o Ituano

Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

O Corinthians sofreu, mas com gol do zagueiro Felipe nos minutos finais venceu o Ituano (1 a 0) na noite do último sábado, em Itaquera, e mesmo já classificado às quartas de final do Paulistão disparou na liderança do grupo D com 29 pontos ganhos, 10 a frente do vice-líder Red Bull Brasil, que neste domingo enfrenta a Ponte Preta, em Campinas.

LEIA MAIS:
Corinthians x Ituano: assista ao gol da vitória do Timão
Corinthians chega a marca de 2 milhões de pagantes na Arena 

O Torcedores.com listou abaixo cinco razões para a nona vitória do Timão em 12 jogos no Estadual.

1 – Paciência – Desde o primeiro minuto de bola rolando, o Corinthians sofreu com a forte marcação do Ituano, principalmente no primeiro tempo quando criou apenas uma chance clara – com Giovanni Augusto mandando bola na trave. O time de Itu congestionou o meio de campo e travou a subida dos laterais. Na etapa final, antes de Felipe marcar o gol da vitória aos 42 minutos, o alvinegro meteu mais três bolas no poste. Mais uma vez, o Timão não se desesperou com o número de chances perdidas e manteve a organização tática. Prova disso foi que a equipe teve o seu melhor índice de passes certos na competição: 609 (92% de aproveitamento), de acordo com o Footstats.

2 – Felipe – Além de ter feito mais uma partida segura, o zagueiro decidiu a partida com um belo gol de cabeça, coroando um sábado inesquecível já que pela manhã havia recebido a inédita convocação para a seleção brasileira para o jogo contra o Paraguai nesta terça-feira, pelas Eliminatórias. Felipe é um dos jogadores mais regulares do Timão na temporada. Evolui a cada partida.

3 – Bruno Henrique – Nos jogos anteriores, o volante foi bastante criticado – com certa razão – devido ao excesso de passes errados. Contra o Ituano, ele foi o melhor passador da partida: 90 passes certos e apenas três errados. No segundo tempo, o meio-campista exerceu papel diferente. Atuou mais avançado pressionando a saída de bola adversária.

4 – Fagner – Mais uma ótima exibição do lateral-direito. Mesmo com o Ituano com postura defensiva na maior parte dos 90 minutos, ele esteve impecável na marcação. Foi o líder em desarmes certos (6). No segundo tempo apareceu mais no ataque e bateu o escanteio para o gol de Felipe.

5 – Cássio – O goleiro foi exigido apenas uma vez e mostrou elasticidade na chance mais perigosa no Ituano na partida. Aos 31 minutos do primeiro tempo, com a ponta dos dedos espalmou chute cruzado de Claudinho evitando que o time do interior abrisse o placar.

Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)