Opinião: Dois camisas 10 no Grêmio

O jogo de amanhã reserva algo de especial para a torcida do tricolor. Pela primeira vez no ano, o garoto Lincoln e o experiente Douglas, vão jogar juntos. A torcida já vinha clamando pela entrada do camisa 27 à algum tempo, e apenas agora com a lesão de Giuliano, Roger irá promover a entrada do menino.

Isto sim deve ser considerado um avanço técnico na equipe. Não ouso dizer que Lincoln é o craque do time, pois temos outros aspirantes, mas ele no momento é o que vem decidindo a nosso favor. Claro que não acho certo, nos escorarmos em um menino tão jovem, para que ele assuma a capitania do meio campo, mas ele ta com toda a pinta de que fará isso muito bem.

Pela primeira vez juntos (Foto: Lucas Uebel)
Pela primeira vez juntos (Foto: Lucas Uebel)

 

Douglas já não é mais o mesmo. Talvez sua falta de disciplina extra campo, o tenha feito cair tanto de rendimento, é uma pena porque nos ajudou demais ano passado. Mas este ano, deixa a desejar. Ele não marca mais, erra muitos passes, e não acompanha a evolução de jogo dos meninos. Giuliano, Luan e Everton, passam voando pelo velhinho, que não tem o que fazer.

É a chance de Lincoln, mostrar que pode ser titular, que independe de estilo de jogo, ou de poder de marcação, ele pode sim comandar o Grêmio. Toda sorte do mundo amanhã aos dois, e que aconteça o que é mais importante: o Grêmio sair com os 3 pontos.
Saudações tricolores.