Dunga deve ficar na Seleção para Copa América Centenário

Rafael Ribeiro/CBF

Dunga deve ser o técnico da Seleção Brasileira para a Copa América Centenário, em junho, nos Estados Unidos. Esta deve ser a tendência da Confederação Brasileira de Futebol, que se reuniu com o treinador e o coordenador de seleções Gilmar Rinaldi nesta terça-feira (5) para definir o futuro de ambos dentro da estrutura do time canarinho.

LEIA MAIS

Tite na Seleção? Direção do Corinthians aguarda reunião na CBF

Globoesporte.com aponta que Dunga deve se manter como técnico da Seleção para a Copa América, mas vê sua presença nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro ainda é dúvida. Segundo as informações, a presença do técnico no comando brasileiro para a Olimpiada dependeria de como for desempenho da equipe no torneio disputado em solo norte-americano.

Pressionado pelos maus resultados nas últimas partidas das Eliminatórias da Copa do Mundo, Dunga pode se fora do comando da Seleção já após a Copa América, caso o Brasil não avance para as fases decisivas. No caso dos Jogos Olímpicos, o substituto imediato seria o atual treinador do time sub-23, Rogério Micale.

Gilmar afirmou na segunda-feira (4) ao Fox Sports que Dunga treinaria o Brasil nos Jogos do Rio, com Micale atuando no papel de auxiliar. Como a Olimpíada é considerada no momento a prioridade da CBF para a metade do ano, um insucesso na Copa América Centenário pode alterar os planos da entidade.

Com a sinalização de que Dunga fica na Seleção, ao menos até a Copa América Centenário, a CBF ganhará tempo para decidir o futuro do comando da equipe para o restante da temporada.

(Crédito da foto: Rafael Ribeiro/CBF)