Figo diz que preferiu trocar o Barça pelo Real por falta de reconhecimento

Figo
Getty Images

Quinze anos se passaram, mas a transferência de Figo que saiu do Barcelona para o Real Madrid ainda é assunto. Nesta segunda-feira, o português participou de um evento na Alemanha e novamente falou sobre o episódio que causou a revolta nos torcedores catalães.

Figo explicou a uma jornalista catalã o motivo de ter deixado o Barcelona e foi sincero quanto a sua decisão em 2001.

“Normalmente, não falo a jornais catalães, mas como és bonita, vou fazê-lo (disse em relação à jornalista que o questionou). Não tenho nada contra o Barça, são vocês que têm algo contra mim. Saí do Barcelona por motivos familiares, econômicos e também por falta de reconhecimento”, explicou.

Não só de futebol vive Figo. Pelo menos é o que ele afirmou ao ser questionado sobre o que achou da derrota do Barcelona e a vitória do Real, que fez com que os Merengues ficasse à apenas um ponto do time Culé.

“A verdade é que no sábado joguei golfe e no domingo também. Não vi os jogos. Na minha vida, há coisas mais importantes que o Barcelona e o Real Madrid”, finalizou.

Em 2001, Figo trocou o Barcelona pelo Real Madrid por 60 milhões de euros (R$ 244 milhões). A transferência não foi bem aceita pelos torcedores catalães que tem o português como “traidor”.



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.