Guerrero e Ederson não têm lesões e podem reforçar Flamengo no fim de semana

Flamengo
Gilvan de Souza/Flamengo

Após o clássico contra o Botafogo, no último sábado, pela Taça Guanabara, o Flamengo teve motivos para se preocupar. Guerrero e Ederson saíram de campo sentindo dores e foi preciso que o departamento médico fizesse uma avaliação por completo para tranquilizar a comissão técnica. Exames foram feitos no Ninho do Urubu e não foi constatado nenhum problema sério.

LEIA TAMBÉM:
Após susto, Jorge é liberado de hospital e se reapresenta no Flamengo nesta terça

Mercado da bola 2016: Nacional-URU recusa primeira oferta do Flamengo por zagueiro
Flamengo estuda reformar estádio do América-RJ para uso no Brasileirão
Conheça quem é Daniel dos Anjos, novo reforço do Flamengo para 2016
Você sabe quantos quilômetros o Flamengo já percorreu no ano?

Guerrero sofreu com a maratona de três jogos na última semana – um pela seleção peruana e dois pelo Rubro-Negro -, e saiu do gramado com dores no pé esquerdo após levar um pisão. Já Ederson saiu durante a partida com trauma no tornozelo.

Nesta manhã, Ederson fez trabalho físico na academia ao lado de Juan e Wallace. Já Guerrero e o argentino Mancuello fizeram atividade com bola no campo, com destaque para o treinamento de finalizações.

A expectativa é que tanto Guerrero quanto Ederson estejam à disposição de Muricy Ramalho para o jogo contra o Boavista, no fim de semana. O Flamengo precisa urgentemente dos três pontos para ainda sonhar com chance de classificação à semifinal do Carioca.

Curtiu a matéria? Siga o autor no Twitter: @fontes_matheus.
Facebook: Matheus Martins Fontes.

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.