Inter não ficou nenhuma vez na frente do Grêmio na primeira fase do Gauchão

Lucas Uebel/Divulgação/Grêmio

Diferentemente das duas últimas temporadas, quando o Inter dominou de ponta a ponta o Campeonato Gaúcho e terminou líder da primeira fase, dessa vez o Grêmio é que tomou as rédeas da competição. Depois da vitória sobre o Ypiranga por 2×1, fora de casa, na décima rodada, o time de Roger Machado assumiu a liderança do estadual e a manteve até o término da fase classificatória.

LEIA MAIS:

Lembra dele? Hugo, ex-SP e Grêmio, aplica lençol espetacular em gol do Juventude

Comentarista vê Grêmio mais perto do título gaúcho do que o Inter

Nesse domingo, o empate em 2×2 com o Juventude manteve a invencibilidade que já dura 10 jogos para o time de Roger Machado. Com 29 pontos, o Grêmio terminou no primeiro lugar e na quarta-feira enfrenta o Brasil de Pelotas, às 19h30, na Arena, em jogo único pelas quartas de final do estadual.

O Juventude, aliás, foi uma das equipes que conseguiu, ao longo da primeira fase, se manter à frente de Grêmio e Internacional por algumas rodadas. Ao lado do São José de Porto Alegre, o time de Caxias do Sul se tornou a sensação do campeonato, mas, no fim, terminou no 4° lugar com 23 pontos. O Inter ficou em 3° com 26, e o simpático Zequinha, em 2° lugar, com 28.

Por um bom período durante a fase classificatória, o Inter se manteve no incômodo 5° lugar, o que fez com que o próprio técnico Argel Fucks admitisse que o posicionamento na tabela “não era normal”. Em nenhum momento o Inter conseguiu ficar na frente do seu maior rival na tabela.

Somente na décima primeira rodada, após uma vitória por 4×2 sobre o Novo Hamburgo, no Beira-Rio, o colorado entrou no G4 e passou o São Paulo, de Rio Grande – curiosamente, o seu adversário de quartas de final no próximo domingo, no Beira-Rio. Na rodada derradeira, o Inter voltou a apresentar bom futebol e aplicou 3×0 sobre o Glória, fora de casa, rebaixando o adversário e garantindo o 3° lugar com 26 pontos.

 



Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.