Mesmo sem pagar há 3 meses, jornalista diz que Crefisa pode renovar com o Palmeiras

Crefisa
Foto: Divulgação/Palmeiras

O Palmeiras passa um litígio com seu patrocinador máster, a Crefisa, a empresa brasileira de crédito não teria gostado de uma ação do clube e desde então não paga no prazo a parcela do patrocínio do Verdão. Tanto que na semana passada, o presidente do clube, Paulo Nobre, foi obrigado a fazer seu segundo empréstimo. Porém, mesmo com o litígio e o atraso, Roberto Lamacchia, dono da Crefisa teria a intenção de renovar com o Palmeiras por mais um ano, a informação é do jornalista Jorge Nicola.

LEIA MAIS
Neto diz que o Palmeiras mereceu a vitória, mas corneta gol impedido
Fla x Flu no Pacaembu superou público e renda dos clássicos paulista disputados no estádio

As coisas parecem estar mudando para o Verdão, depois de engatar duas vitórias seguidas (Uma no maior rival), e espantar a crise, o Palmeiras trabalha para receber nessa semana o aditivo da Crefisa para a retomada do contrato. Segundo Jorge Nicola, a empresa já deve ao Verdão R$ 19,5 milhões, de janeiro a março.

Porém, o jornalista afirmou que apesar de se encaminhar para o quarto mês sem pagar o patrocínio, o dono da Crefisa, Roberto Lamacchia, tem demonstrado interesse em renovar o contrato com o Verdão por mais um ano, o atual contrato se encerra em dezembro.

O Verdão terá o jogo do semestre nesta quarta-feira, às 21h45, na Argentina, contra o Rosário Central, uma derrota custará a eliminação precoce na Libertadores da América.



Jornalista em formação. Fanático por esportes, principalmente futebol. Vivo em busca de desafios e oportunidades que a vida me proporciona.