Prass e Dudu decidem clássico para o Palmeiras

O jogo começou com times procurando se poupar do calor verificado em São Paulo, tanto que aos oito minutos, Cássio exigiu atendimento médico devido ao forte calor. O primeiro susto do jogo veio aos 16, com Lucca, que mandou um chute firme ao gol de Fernando Prass.

Com 21 minutos foi a primeira vez do Palmeiras levantar sua torcida, Gabriel Jesus chutou na entrada da área e Cássio fez linda defesa. Na cobrança de escanteio, a zaga afastou e em seguida, o Verdão subiu o tom dos ataques. Aos 36, o clima esquentou com a troca de empurrões entre Elias e Gabriel, e um minuto depois, Gabriel Jesus tentou um lançamento na área para Alecsandro, só que Cássio interceptou o lance.

Tivemos a parada técnica e o panorama não mudou muito. Palmeiras no ataque e o Corinthians explorando o contra-ataque. Perto do fim da primeira etapa, Gabriel Jesus tentou uma jogada de efeito, e depois, Egidio levou falta de Fagner. Na batida de Robinho, a bola saiu para escanteio. Tivemos dois cartões para Gabriel Jesus Lucca e Felipe, por faltas cometidas e o primeiro tempo terminou 0 a 0.

O segundo tempo começou equilibrado e aos seis, Zé Roberto mandou um chute forte por cima do gol de Cássio. Aos oito, Gabriel Jesus lançou na área e Alecsandro chutou para uma difícil defesa, à queima-roupa, de Cássio. O Corinthians mudou duas vezes, saindo Elias para a entrada de Maycon e Guilherme para a entrada de Romero.

O Palmeiras também mexeu, saindo Robinho e entrando Dudu. Antes, o Palmeiras tentou criar uma boa oportunidade de ataque com Zé Roberto pelo meio da área. Porém, ele foi flagrado em impedimento. Arouca derrubou Giovani Augusto e ganhou cartão amarelo. Aos poucos, o alvinegro começava a se soltar em campo e a tentar ameaçar a meta de Fernando Prass, mas sem conseguir sucesso. Aos 27, pênalti para o Corinthians. Giovani Augusto foi derrubado na área. Penalti marcado e na cobrança, Fernando Prass fez a defesa. Antes disso tivemos a troca de Arouca por Lucas e em seguida, o toque de cabeça de Dudu sobre Cássio e abrindo o placar. Palmeiras 1 a 0.

Após o gol, o Corinthians tentou acordar e pressionar, chegou a conseguir uma falta para cobrança de Giovani Augusto, mas não conseguia concluir a gol, enquanto que do outro lado, Dudu teve uma outra chance e atirou para o gol, só que Gabriel Jesus relou na bola antes dela entrar e teve apontado um impedimento. Ainda tivemos alguns desentendimentos em campo, que resultaram em cartão para Alecsandro. Ainda tivemos a saída de Gabriel e a entrada de Thiago Santos. O jogo chegou ao seu final com a vitória por 1 a 0 do Verdão sobre o alvinegro, quebrando uma invencibilidade de 21 anos do Timão sobre o Palmeiras no Pacaembu.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 1 x 0 CORINTHIANS

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 3 de abril de 2016 (domingo)
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (SP)
Assistentes: Carlos Augusto Nogueira Junior e Anderson Jose de Moraes Coelho (ambos de SP)
Público: 22.663 (21.219 pagantes)
Renda: R$ 644.765,00
Cartões amarelos: Gabriel Jesus, Arouca, Alecsandro, Egídio (Palmeiras); Lucca, Felipe, Giovanni Augusto (Corinthians)
Gol: Dudu (Palmeiras), aos 30 do 2º tempo

PALMEIRAS: Fernando Prass; Jean, Thiago Martins, Vitor Hugo e Egídio; Arouca (Lucas), Gabriel (Thiago Santos), Robinho (Dudu) e Zé Roberto; Gabriel Jesus e Alecsandro.
Técnico: Cuca

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique, Elias (Maycon), Giovanni Augusto, Guilherme (Romero) e Lucca (Danilo); André.
Técnico: Tite

Foto: Reprodução Twitter