Vicintin admite que Marcelo Oliveira foi procurado para assumir o Cruzeiro; técnico recusou

Palmeiras
César Greco/Ag. Palmeiras

Bruno Vicintin, vice-presidente do Cruzeiro, apareceu na sala de imprensa na Toca da Raposa para apresentar oficialmente os reforços Lucas e Robinho, contratados junto ao Palmeiras na última semana. O dirigente aproveitou o espaço para falar sobre a procura por um novo técnico para o restante da temporada.

Apesar de Jorginho, do Vasco, ser o nome mais forte nos bastidores do clube, Vicintin admitiu que chegou a procurar por Marcelo Oliveira, bicampeão brasileiro com a equipe mineira em  2013 e 2014. “Tive com Marcelo, mas ele me disse que está voltado para trabalhar fora do país. Ele foi procurado.”

“Trabalhei com o Marcelo por dois anos e, claro, muito pelo trabalho dele tivemos um sucesso muito grande. Não só títulos, mas jogadores que subiram da base. É um pessoa que admiro e tenho ótimo relacionamento. Chegamos a conversar, mas a princípio ele está pensando em um projeto que não seja no Brasil. Claro que o nome dele foi cogitado e acho que um dia ele voltará. Mas no futebol tudo pode mudar.”

“Hoje, 50% e 50%. Estamos avaliando também nomes de fora do Brasil”, completou Vicintin.